Marinho agradece ao Santos por anos de clube: 'Mudou minha história'
LANCE!/DIARIO DO PEIXE
Marinho agradece ao Santos por anos de clube: 'Mudou minha história'


O atacante Marinho se despediu do Santos nesta sexta-feira após quase três anos no clube e revelou gratidão pela sua passagem. Ele divulgou um vídeo nas redes sociais enquanto o Peixe divulgou uma entrevista dele em áudio. O clube não produziu um vídeo de despedida como fez com outros jogadores que deixaram o clube recentemente.

Na entrevista, Marinho afirmou que o Santos mudou sua história. Ao todo pelo Peixe, o atacante fez 112 jogos, 41 gols, 17 assistências e 8414 minutos jogados.

- Momento de despedida sempre é ruim, ainda mais quando você tem identificação com clube e torcedor. Mas na vida há momentos que a gente precisa tomar decisões. Uma oportunidade que apareceu, foi bom pra o Santos e bom pra mim. O Santos mudou minha história, mudou meu patamar, mudou tudo na minha vida. O clube que tenho gratidão pelo resto da minha vida. Cheguei menino e saí um homem. Só tenho gratidão - relevou o atacante.

O jogador afirmou também que o Santos vai continuar com um cantinho especial em sua casa.

- Na verdade fica minha gratidão por tudo que eu viveu nesses 3 anos. É um lugar que eu fui bem acolhido, bem recebido, que eu criei identidade com o clube. Fica meu carinho, minha admiração, meu carinho pelo clube. Só agradecer. Minha casa tem sempre um cantinho a mais pro Santos. Como eu falo, na minha casa tem um espaço só do Santos e vai continuar, vai ficar. Vida que segue - se despediu Marinho.

Marinho chegou ao Santos no final de maio de 2019 em uma negociação com o Grêmio envolvido na troca pelo zagueiro David Braz. Foi titular com o técnico argentino Jorge Sampaoli na temporada, mas teve seu auge no clube em 2020 sendo o Rei da América no vice-campeonato do Peixe na Taça Libertadores e artilheiro na temporada com destaque no Brasileiro. Em 2021 sofreu com lesões e Covid-19, mas ainda sim foi o artilheiro do Alvinegro na temporada.

A venda do ex-camisa 11 para o Flamengo vai render US$ 1,3 milhão (R$ 7 milhões) aos cofres da Vila Belmiro.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários