Técnico campeão da Copinha pelo Palmeiras endossa fala de Abel: 'Tem muito a evoluir ainda'
Alexandre Guariglia e Rafael Ribeiro
Técnico campeão da Copinha pelo Palmeiras endossa fala de Abel: 'Tem muito a evoluir ainda'


O técnico do Palmeiras campeão da Copa São Paulo de juniores nesta terça-feira (25), após a goleada por 4 a 0 sobre o Santos , no Allianz Parque, concordou com a decisão do comandante do profissional, Abel Ferreira, de tratar com cautela a promoção do atacante Endrick, de 15 anos, para os profissionais.


Na entrevista após a partida, Paulo Victor Gomes elogiou a joia, fenômeno absoluto da base, mas reiterou que ele ainda tem muito a evoluir.

- Eu acredito muito (na decisão de Abel). O Endrick é um menino de 15 anos trabalhador, sonhador e que evolui a cada dia pela sua mentalidade, pela forma como trabalha e encara cada treino, jogo. Mas tem muito a evoluir.

Na avaliação de Gomes, Endrick, autor de um dos gols na partida desta terça e vencedor de dois prêmios individuais na Copinha - melhor jogador do torneio e autor do gol mais bonito -, já vem pulando etapas o suficiente. Mas é inevitável que em breve deverá ser usado pelo time principal.

- Ele já vem pulando algumas etapas, jogando categorias que não são da sua idade. E com certeza o clube tem um carinho, um cuidado enorme para tomar as melhores decisões em relação ao atleta, para que ele atinja o melhor desempenho possível na categoria onde estiver.

No último domingo (23), após a vitória do Verdão sobre o Novorizontino por 2 a 0, na abertura do Campeonato Paulista, o comandante português não só descartou levar a joia ao Mundial de Clubes, como ainda o recomendou a viajar para a Disneylândia com a família.

Ainda no gramado do Allianz Parque, Endrick deu razão ao treinador do time profissional e disse que suas prioridades são outras.

- Estou tranquilo. Vou torcer bastante para o Palmeiras no Mundial. Eu fico tranquilo, tento pensar aqui na base, não penso no profissional. Mas se Deus quiser um dia vou subir para o profissional. Fico tranquilo. o Abel está supercerto. Se Deus quiser vamos levar agora o Mundial.

O 'miúdo', apelido que pegou por conta da forma como Abel se referiu a ele, ainda enalteceu a conquista da Copinha e garantiu duas conquistas individuais, de melhor jogador e de gol mais bonito.

- É um título muito importante para o nosso clube. Agora temos essa conquista. Entre os prêmios, é tudo consequência do grupo, não é só individual, não ganho nada sozinho. Primeira coisa de tudo é Deus, que está fazendo coisas importantes para mim e minha família.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários