Bia Maia segue fazendo história e vai à semi de duplas do Australian Open
TÊNIS NEWS
Bia Maia segue fazendo história e vai à semi de duplas do Australian Open


Beatriz Haddad Maia, número 83 do mundo nas simples e 150ª nas duplas, segue fazendo história no Australian Open e, nesta terça-feira, alcançou as semifinais de duplas ao lado da cazaque Anna Danilina.

A dupla da paulistana virou contra a sueca Rebeca Petterson e a russa Anastasia Potapova com parciais de 4/6 7/5 6/3 após 2h03min de duração na quadra Kia Arena.

Bia segue como a primeira brasileira em 54 anos a alcançar tal resultado no Australian Open, desde Maria Esther Bueno, e vai tentar ser a primeira a atingir uma final de qualquer um dos quatro Slams desde Maria uma vez que Luisa Stefani caiu na semifinal do US Open ano passado após lesão.

A dupla de Bia e Danilina vem invicta com título no WTA 500 de Sydney, na Austrália, e mais quatro vitórias em Melbourne. Nesta terça elas estiveram abaixo com quebra no segundo set, recuperaram, venceram com quebra no fim e deslancharam no sexto game do set final. Bia sacou para a vitória no nono game, a dupla abriu 40 a 0, permitiu a virada, mas salvaram o break-point e encerraram a contagem.

Bia e Danilina vão enfrentar as cabeças de chave 2, as japonesas Shuko Ayoama e Ena Shibahara, mesma dupla que elas venceram em Sydney no super tie-break.

Com o resultado, Bia já se garante no top 70 de duplas e terá seu melhor ranking.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários