Campeão da Recopa Catarinense! Oberdan brilha, garante a virada e Figueirense vence Avaí
Futebol Latino
Campeão da Recopa Catarinense! Oberdan brilha, garante a virada e Figueirense vence Avaí


Nesta quinta-feira (20), o Figueirense venceu, por 3 a 1, o Avaí, pela Recopa Catarinense. Os dois times se enfrentaram na Ressacada, em Florianópolis. Os mandantes saíram na frente do placar, mas Oberdan garantiu a virada e o título.

Aplicativo de resultados do LANCE! está disponível na versão iOS

PRIMEIRO SUSTO!

O Avaí pressionou mais no início, porém o Figueirense estudava os adversários a todo momento. Dessa forma, aos 5, os visitantes chegaram com um perigo. Andrew ia avançando com velocidade, mas Alemão apareceu para cortar e mandou para longe.

RESPOSTA!

Aos 9, Bruno Silva apareceu, pegou sobra e tentou. A bola saiu pela linha de fundo. Na sequência, Quirino e Luis Fernando conseguiram uma boa chance aos 15. Contudo, o goleiro Rodolfo Castro, que estava atento ao lance, conseguiu fazer a defesa. Na sequência, Renato tentou, mas também não balançou as redes da Ressacada.

PARA FORA!

O Figueirense apareceu com perigo novamente aos 21. Na jogada, Thiaguinho apareceu pela esquerda e mandou uma bomba, com muito perigo. A bola desviou na marcação e saiu para fora.

PRESSÃO DO AVAÍ!

O Avaí conseguiu aumentar a intensidade após uma pausa para hidratação. Dessa forma, aos 27, Quirino recuperou a bola no campo de ataque e finalizou. A bola, porém, foi para fora. Dois minutos depois, Bruno Silva testou firme, mas Rodolfo Castro fez a defesa.

GOL CONTRA OU NÃO?

O Avaí seguiu na sua alta pressão, enquanto o Figueirense mal tocava na bola. Aos 29, Matheus Ribeiro apareceu e abriu o placar da Ressacada. Na jogada, Matheus Ribeiro finalizou depois de sobra, colocando o Avaí à frente do marcador. A bola morreu no fundo das redes.

MAIS UM SUSTO...

O Avaí continuou e chegou com um novo perigo, aos 43. Na jogada, Lourenço recebeu e aproveitou para arriscar, levando perigo ao gol de Rodolfo Castro. No entanto, a bola foi apenas para tiro de meta.

TUDO IGUAL NA RESSACADA!

Depois de muita pressão do Leão, o Figueirense aproveitou uma chance de ouro e igualou o placar na Ressacada. Aos 44, depois de uma bola na área, Gustavo Índio antecipou a marcação e mandou para o fundo do gol, deixando o 1 a 1 no marcador.

A VIRADA!

O Figueirense voltou do intervalo buscando a virada do placar - e não demorou muito para isso. Aos 6, Bruno Silva tocou para trás, e Glédson segurou com a mão. O árbitro marcou recuo, e o Figueira teve uma grande chance de dentro da área. Em jogada ensaiada, Oberdan aproveitou e fez o segundo.

OBERDAN É O NOME DELE!

O volante do Figueirense continuou com muito brilho e ampliou o placar pouco tempo depois. Aos 9, o camisa 8 do Figueira recebeu na área e balançou as redes da Ressacada pela segunda vez.

RESPOSTA!

Buscando voltar a ter vantagem no placar, o Avaí aumentou a marcação e foi para cima. Em jogada, aos 14, o time apareceu com uma oportunidade após escanteio. No entanto, Renato acabou mandando na trave.

PERIGO!

O Avaí voltou a assustar pouco tempo depois. Aos 22, o time apareceu com Renato, que cabeceou. No entanto, Rodolfo Castro fez uma grande defesa e evitou o gol. Na sequência, Copete mandou para fora.

JOGO TRUNCADO...

Depois da chance perdida pelos donos da casa, o duelo ficou truncado. Dessa maneira, as duas equipes não conseguiram chegar com grande perigo às metas adversárias. Assim, o duelo terminou no 3 a 1.

FICHA TÉCNICA

Avaí 1 x 3 Figueirense
Local:
Ressacada, em Florianópolis (SC)
Data: 20/01/2022 - às 21h (de Brasília)
Público: 10.937
Renda: R$ 244.344,00
Árbitro: Luiz Augusto Silveira Tisne
Assistentes: Alex dos Santos e Fabiano Coelho da Silva
Cartões amarelos: Matheus Ribeiro e Betão (Avaí); Andrew, Oberdan, Luís Fernando e Maurício (Figueirense)
Cartões vermelhos : -
Gols: Matheus Ribeiro, aos 29'/1ºT (1-0); Gustavo Índio, aos 44'/1ºT (1-1); Oberdan, aos 6'/2ºT (1-2) e aos 9'/2ºT (1-3)

AVAÍ (Técnico: Claudinei)

Gledson; Alemão, Betão, Matheus Ribeiro (Vinícius Japu, aos 33'/2ºT) e Diego Matos; Bruno Silva, Serrato e Lourenço (Matheus Lucas, aos 34'/2ºT); Renato, Quirino (Vinícius Leite, aos 19'/2ºT) e Copete.

FIGUEIRENSE (Técnico: Júnior Rocha)

Rodolfo Castro; Muriel, Maurício, Luis Fernando e Zé Mário (Vinícius Nucci, aos 23'/2ºT); Clayton, Oberdan (Uesley Gaúcho, aos 33'/2ºT) e Kauê; Andrew, Thiaguinho e Gustavo Índio.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários