Atas do CG: Contratação de Bruno Oliveira não foi unanimidade no Santos
LANCE!/DIARIO DO PEIXE
Atas do CG: Contratação de Bruno Oliveira não foi unanimidade no Santos


O Santos divulgou novas Atas do Comitê de Gestão do clube referente as reuniões 47 e 48 realizadas em novembro. A principal discussão foi sobre a contratação no meia Bruno Oliveira, da Caldense-MG. Também foi discutido melhorias na operação dos jogos na Vila Belmiro e a renovação do patrocínio com a Philco.

Reunião 47 - 8 de novembro

Participaram da reunião o presidente Andres Rueda, José Carlos Oliveira, Dagoberto Oliva, José Berenguer, Ricardo Campanário e Vitor Loureiro Sion. Os membros do CG Rafael Leal e Walter Schalka justificaram as ausências por motivos profissionais.

Rueda abriu apresentando o fluxo de caixa aos demais membros do CG e indicou as receitas e despesas previstas para as próximas semanas.

Em seguida, Dagoberto Oliva repassou uma série de relatos recebidos sobre problemas de acesso à Vila Belmiro no jogo contra o Palmeiras pelo Brasileiro do ano passado, em novembro. Rueda confirmou a ocorrência de alguns problemas, identificados pela própria equipe de operações do clube, principalmente no portão 24 e na entrada das cadeiras cativas. Os membros do CG então discutiram algumas melhorias a serem implementadas nas próximas partidas.

Ricardo Campanário apresentou proposta da Philco de mais dois anos de patrocínio, com aumento de valor de cerca de 30% em relação ao contrato atual. O presidente colocou a proposta em votação e houve unanimidade.

Reunião 48 - 22 de novembro

Participaram da reunião o presidente Andres Rueda, José Carlos Oliveira, Dagoberto Oliva, José Berenguer, Rafael Leal, Ricardo Campanário, Vitor Loureiro Sion e Walter Schalka.

O presidente apresentou o fluxo de caixa, detalhando que a folha salarial total do clube está em cerca R$ 12 milhões, incluindo os encargos. Rueda argumentou que o objetivo da gestão é fazer a primeira parcela do patrocínio da Binance durar até janeiro de 2022. Todos os membros do CG então fizeram comentários sobre o fluxo e as perspectivas para o próximo ano.

Rueda informou aos demais membros do CG sobre as rescisões do preparador de goleiros Rafael Kiyasu e do atleta da base Gabriel Nascimento Santana, ambos a pedido do Departamento de Futebol.

Em seguida, os membros votaram sobre o empréstimo do lateral-esquerdo Lucas Sena ao Rio Branco-PR para a atuação do garoto no Campeonato Paranaense. Houve unanimidade.

O Departamento de Futebol apresentou um relatório pela contratação por empréstimo do meia Bruno Oliveira, vinculado à Caldense (MG), mas que atuou pelo Vitória (BA) após o Campeonato Mineiro. Dos oito membros, José Berenguer e Ricardo Campanário foram os únicos que votaram contra a contratação.

Por fim, houve votação unanime a favor de um acordo com Rafael Soares e Jesiel Toledo, profissionais do Departamento de Marketing, para a assinatura de aditivos aos atuais contratos de ambos.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários