Com gol de Rwan, Santos vence o Operário-PR na estreia na Copinha
LANCE!/DIARIO DO PEIXE
Com gol de Rwan, Santos vence o Operário-PR na estreia na Copinha


O Santos estreou na Copa São Paulo de Futebol Júnior de 2022 com vitória por 2 a 1 sobre o Operario Ferroviário, do Paraná. Os gols santistas na Arena Fonte Luminosa, em Aaraquara (SP), foram marcados por Lucas Barbosa e Rwan Seco. Com o resultado, a equipe lidera o grupo 8 com os mesmos três pontos da anfitriã Ferroviária, mas com vantagem no número de gols marcados.

Na próxima quinta-feira (6), os Meninos da Vila voltam a campo pela segunda rodada da Copinha para confronto com o Rondoniense (RO), que participa pela primeira vez da competição. A partida tem início marcado para às 21h45 e mais uma vez contará com transmissão ao vivo do Sportv.

O jogo

A primeira chegada ofensiva do Santos na estreia na Copa São Paulo aconteceu ainda aos dois minutos. Fernandinho avançou pela esquerda do ataque e finalizou com força no canto esquerdo, parando em defesa do goleiro Guilherme, que contou com ajuda de seus defensores para afastar o perigo.

Com dezessete minutos, Lucas Barbosa aproveitou passe errado na saída de bola do Operário e passou para Rwan Seco, que partia em direção ao gol. Na tentativa de finalização cruzada, o camisa 10 santista parou em nova defesa do goleiro adversário.

Mas aos 25 minutos, foi o Operário que abriu o placar em Araraquara. Andrézinho roubou a bola no campo de ataque e avançou pela intermediária, de onde arriscou um chute forte que acertou o ângulo esquerdo do goleiro Diógenes.

Cinco minutos depois, os Meninos da Vila tentaram responder com o camisa 17, Fernandinho, que recebeu cruzamento de Sandro Perpétuo pela esquerda, fintou seu marcador e arriscou a finalização colocada. No entanto, a bola acabou saindo à direita da meta, a poucos centímetros da trave.

Em seguida, aos 34 minutos, Lucas Pires bateu falta pela direita e alçou a bola à área, encontrando a cabeça do alto zagueiro Jair, de 1,95m. O camisa 6 do Peixe escorou e fez a bola passar muito perto da trave direita, antes de sair em tiro de meta.

Nos minutos finais da primeira etapa, Victor Michell recebeu a bola pela esquerda do ataque e arriscou finalização de longe e com muita força. A bola ganhou a direção do ângulo esquerdo, mas parou em defesa de Guilherme, que jogou para escanteio.

E ainda antes do intervalo, já com 44 minutos jogados, o Santos conseguiu empatar o placar com Lucas Barbosa, após grande jogada de João Victor. O camisa 8 recuperou a bola pela direita do campo de ataque e partiu em velocidade em direção à linha de fundo. Do limite da grande área, ele cruzou para trás e encontrou Lucas Barbosa que, da pequena área, completou com força para a rede.

No segundo tempo, a primeira grande chance surgiu aos 15 minutos. O lateral esquerdo Lucas Pires recebeu a bola no campo de ataque e cruzou com a perna direita para a grande área. O cruzamento chegou à cabeça de Lucas Barbosa, que escorou para Rwan Seco tentar também de cabeça, parando em defesa de Guilherme.

Já aos 28 minutos, os Meninos da Vila viraram o jogo com gol do camisa 10, Rwan Seco, artilheiro da equipe na temporada 2021. Rwan recebeu cruzamento na medida de Sandro Perpétuo pelo lado direito e, da entrada da área, acertou bela finalização colocada no ângulo direito, sem chances de defesa para o goleiro do Operário.

FICHA TÉCNICA

SANTOS 2 X 1 OPERÁRIO FERROVIÁRIO
Local: Arena Fonte Luminosa, em Araraquara (SP)
Data: segunda-feira, 3 de janeiro de 2022
Horário: 21h45
Árbitro: João Augusto Mariano de Oliveira
Assistentes: Claudenir Donizeti Gonçalves Silva e Izabele de Oliveira
Gols: (SFC) Lucas Barbosa, aos 44′ do 1°T e Rwan Seco, aos 28′ do 2°T; (OPE) Andrézinho, aos 25′ do 1°T;
Santos FC: Diógenes; Sandro, Derick, Jair e Lucas Pires (Andrey Quintino); Jhonnathan, João Victor e Rwan Seco (Zabala); Fernandinho (Kaio Henrique), Lucas Barbosa (Pedrinho) e Victor Michell (Ed Carlos). Técnico: Elder Campos
Operário: Guilherme; Robinho (Roger), Vitão, André Molina e Patryck (Biro); Gustavo, Rafa e Andrézinho (Diego Santos); Lucas Rosa (Eli), Alemão (Jefinho) e Pio. Técnico: Joel Preisner

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários