“Fiesta” na end zone! Spencer Sanders lidera virada impressionante de Oklahoma State sobre Notre Dame
Lance!
“Fiesta” na end zone! Spencer Sanders lidera virada impressionante de Oklahoma State sobre Notre Dame


Oklahoma State Cowboys conquistou sua maior virada da história com um segundo tempo fantástico contra Notre Dame Fighting Irish no Fiesta Bowl, no State Farm Stadium, casa do Arizona Cardinals, por 37 a 35 em um jogo maluco com uma verdadeira ‘fiesta’ na end zone, com nove touchdowns.

Spencer Sanders brilhou com 371 passes e quatro touchdowns, além de 17 carregadas e mais 125 jardas. Tay Martin foi o homem dos touchdowns para os Cowboys com três em 10 recepções para 104 jardas. Brennan Presley também foi um alvo muito importante com também 10 recepções e 137 jardas. Jaden Bray fez uma recepção de nove jardas para anotar o touchdown.

Jack Coan fez um primeiro tempo impecável com mais de 300 jardas e quatro passes para touchdown. Mas o quarterback dos Fighting Irish sumiu no segundo tempo e lançou apenas um touchdown e sofreu uma interceptação crucial e terminou com 509 jardas. O corpo de recebedores de Notre Dame brilhou. Lorenzo Styles Jr teve oito recepções para 1236 e um touchdown, o running back Chris Tyree foi um alvo importante com seis recepções para 115 jardas e uma ida a end zone. Kevin Austin Jr terminou com seis recepções, 105 jardas e também um touchdown e o tight end Michael Mayer com sete recepções para 72 jardas foi alvo duas vezes na end zone.

Jack Coan com uma primeira campanha impecável abriu o placar no Fiesta Bowl para os Fighting Irish. Com muito tempo no pocket, o quarterback no primeiro lançamento da partida acertou um passe de 25 jardas para Chris Tyree colocando o ataque já no meio do campo. Depois, ele mandou um passe de 15 jardas para Kevin Austin Jr e na primeira oportunidade de terceira descida, o camisa 17 queimou muito bem em profundidade a secundária dos Cowboys, em um passe de 29 jardas para Lorenzo Styles Jr em uma bela rota post, 7 a 0.

Notre Dame quase se complicou no retorno com um fumble de Matt Salerno, mas o próprio retornador recuperou a bola na linha de 34 jardas. A linha ofensiva dos Fighting Irish começou desatenta o drive com dois false starts seguidos e ‘começou’ numa 1st&20. Mas Coan muito seguro no pocket acertou um passe de 14 jardas para Styles Jr colocando para uma conversão de segunda descida mais tranquila. Na 3rd&7, Coan percebendo a blitz deu um passe curto para Chris Tyree que teve tapete vermelho para atravessar 53 jardas até o touchdown, 14 a 0.

O ataque dos Cowboys apareceu no fim do primeiro quarto. Spencer Sanders abriu bem o drive com um passe de 13 jardas para Jaylen Warren para o first down. LD Brown com ganho de 22 jardas terrestres chegou ao campo de ataque. Oklahoma State conquistou outro bom avanço pelas trincheiras de 13 jardas com Warren e depois foi alvo de um passe para 16 até a red zone de Notre Dame. Por fim, Jaden Bray anotou o primeiro touchdown dos Cowboys no jogo, quebrando o tackle e se jogando na end zone, 14 a 7.

Os Fighting Irish ampliaram o placar no começo do segundo quarto. Coan soltando o braço conectou dois passes de mais de 10 jardas para Braden Lenzy para dois first downs colocando as tropas já no campo de ataque. Na linha de 41, na terceira descida longa, o under center de Notre Dame com um passe curto para Chris Tyree, o wide receiver aproveita a envergadura quebra tackle e conquista o first down com um avanço de 17 jardas. O tight end Michael Mayer em uma ótima rota slant para o canto da end zone fez a recepção de 16 jardas. 21 a 7 no placar em Glendale.

Oklahoma State teve a chance de diminuir com Tanner Brown, mas o chute de 48 dos Cowboys teve força, mas faltou colocar o pé na forma e o disparo saiu muito à direita do Y. Notre Dame devolveu a cortesia dos Cowboys e na primeira ida ao campo de ataque sem sair com o touchdown, o kicker Jonathan Doerer na primeira oportunidade do Bowl mandou o chute de 41 jardas fora do alvo.

Kevin Austin Jr com uma recepção para 16 jardas colocou o ataque dos Fighting Irish praticamente no meio de campo. Na jogada seguinte, Marcus Freeman chamou um reverse com um flea flicker na tentativa de um passe em profundidade, que acabou com um passe incompleto. Mas no fim da jogada, Coan sofreu um roughing the passer ganhando 15 jardas de graça com a penalidade. Austin Jr voltou a aparecer bem no drive com uma recepção para 20 jardas colocando o ataque novamente na end zone na linha de sete. Coan voltou a encontrar Mayer na end zone, com o tight end mergulhando para o touchdown, 28 a 7.

Os Cowboys responderam num drive relâmpago. Spencer Sanders completou dois passes seguidos para Brennan Presley, o último uma big play com a recepção de 41 na linha de 21 jardas. O próprio quarterback saindo da pressão do pocket ganhou 12 jardas para o first down. Por fim, Sanders mandou um passe no fundo da end zone para Tay Martin diminuir o placar no Fiesta Bowl no fim do primeiro tempo, 28 a 14.

Oklahoma State voltou ligado para o segundo tempo. Os Cowboys finalmente conseguiram uma conversão de terceira descida, com um passe de 14 jardas para Presley. No up-tempo, Sanders com passes rápidos foi avançando no campo. Na linha de 30, o under center mandou um foguete de 25 jardas para Rashod Owens na linha de cinco. Tay Martin com um corte para o meio, recebeu seu segundo passe para o touchdown na partida, 28 a 21.

Os Cowboys buscaram o improvável empate no final do terceiro quarto. A defesa um anulou Jack Coan no período inteiro, mudando completamente a maré do jogo. Com duas jogadas rápidas para Jaylen Warren, Oklahoma State conseguiu o first down. Spencer Sanders aproveitando sua velocidade moveu as correntes com um avanço terrestre de 26 jardas. Brennan Presley, principal recebedor da equipe na partida, fez duas recepções importantes para manter o ataque em campo. Na linha de 20, Sanders conseguiu outro ótimo ganho de 12 com as pernas chegando à linha de oito. O quarterback achou mais uma vez Martin na end zone para empatar o Fiesta Bowl em 28 a 28.

Oklahoma State com o shutout no terceiro quarto, o programa da Big 12 virou o jogo nos segundos finais do período com um chute de 38 jardas de Tanner Brown. No começo do último quarto, a defesa dos Cowboys com Kolby Harvell-Peel conseguiu forçar o fumble, literalmente arrancando a bola das mãos de Logan Diggs e recuperando a posse na linha de 44 jardas do campo defensivo.

No up-tempo, os Cowboys em quatro jogadas chegaram a red zone dos Fighting Irish com belos passes para 17 e 21 jardas para Bryson Green e Presley, respectivamente. Presley finalmente teve a chance de anotar seu touchdown, mas o wide receiver sofreu o fumble na end zone forçado por Drew White e Notre Dame se livrar de um problemaço.

O ataque dos Fighting Irish não conseguiu fazer muita coisa e rapidamente voltou para Oklahoma State. A equipe da Big 12 abriu seis de frente com mais um disparo de Tanner Brown dentro do Y para 41 jardas, 34 a 28. A defesa dos Cowboys voltou a aparecer muito bem no jogo. Brock Martin conseguiu um sack importantíssimo para a perda de seis jardas dentro da linha de 24.
Atrás do placar e necessitando de um touchdown, Jack Coan foi para o passe em uma 2nd&16, mas o quarterback de Notre Dame que vinha cuidando da bola muito bem durante todo o jogo sofreu seu primeiro turnover com uma bela ponte de Malcolm Rodriguez para fazer a interceptação e retornar 11 jardas. Os Cowboys chegaram até a red zone, mas Spencer Sanders na tentativa de corrida curta sofreu um fumble forçado por Isaiah Foskey e recuperado por Drew White.

Com as costas contra a parede, os Fighting Irish tiveram a chance de fazer o drive da virada. Mas Jack Coan não conseguiu avançar suas tropas no campo nas três primeiras chances e foi para a tentativa derradeira. O quarterback não conseguiu conectar Kevin Austin Jr e os católicos sofreram o turnover on downs. Oklahoma State aproveitou o turnover para colocar nove pontos de diferença com o chute de 25 jardas de Brown, 37 a 28.

Jack Coan teve de converter uma terceira descida longa ainda no próprio campo e achou Braden Lenzy com um passe para 17 jardas movendo as correntes para os Fighting Irish. No meio do campo, o quarterback achou Styles Jr em um passe de 15 jardas para chegar a linha de 35. Notre Dame contou com um holding defensivo para avançar mais 10 jardas e na segunda descida, o Coan mandou um passe de 25 jardas para Kevin Austin Jr deixar o Fiesta Bowl 37 a 35. Os Fighting Irish foram para outside kick, mas a bola foi recuperada por Jonathan Doerer garantir a fantástica vitória de Oklahoma State Cowboys no Fiesta Bowl 2021 no Arizona.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários