Volante Fabinho encerra a sua passagem pelo Ceará
Lance!
Volante Fabinho encerra a sua passagem pelo Ceará


Um dos pilares do Ceará desde 2018, Fabinho não seguirá vestindo a camisa do clube na próxima temporada. Campeão da Copa do Nordeste de 2020 e um dos atletas mais regulares do elenco, o volante não chegou a um acordo com o Vozão para renovar o contrato, expirado em 10 de dezembro, após o fim da Série A do Campeonato Brasileiro. Com isso, o jogador encerra uma passagem de quase quatro anos pelo time alvinegro.

+ Veja no aplicativo do LANCE! o resultado dos jogos da rodada

Fabinho disputou 138 partidas, com três gols marcados e uma assistência concedida. O período em sequência atuando no clube cearense fez o jogador se tornar o atleta mais antigo do atual elenco. Na edição 2019 do Brasileirão, ele foi líder do time em passes certos, interceptações e divididas ganhas. Já em 2020, liderou no quesito interceptações, com 56. Na temporada passada, participou ativamente da campanha invicta da Copa do Nordeste, a qual sagrou-se campeão. Neste ano, o volante acumulou 439 passes certos, 91 divididas ganhas e 43 lançamentos bem-sucedidos.

Na atual temporada, Fabinho passou por problemas médicos que o afastaram do campo. O volante ficou cerca de três meses longe dos gramados após sofrer uma lesão no joelho e precisar passar por artroscopia, além de ter testado positivo para covid-19. Mesmo assim, ele seguiu com bons números e foi um dos atletas do time com maior eficácia nas bolas longas por partida. O camisa 19 também foi, ainda, top 3 do atual elenco em interceptações (1.6) e desarmes (1.8) por partida em 2021.

'Só tenho a agradecer a Deus por tudo que vivi nesse clube e eu estarei torcendo de onde eu estiver para o Ceará continue crescendo. Agradeço ao presidente, os funcionários, atletas, o staff do Ceará, todos os setores, do cargo mais simples até o presidente. Deixei amigos ali e só tenho a agradecer', disse o volante.

Com Fabinho em campo em 21 jogos, o Ceará levou somente 19 gols (média abaixo de um por partida) e foi derrotado apenas uma vez atuando como mandante. Além disso, o volante finalizou a temporada com quase 100% de aproveitamento contra os rivais nordestinos. Com ele, foram cinco jogos, com retrospecto de quatro vitórias e um empate. Vale ressaltar que o camisa 19 ostentava uma invencibilidade de mais de um ano contra o Fortaleza.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários