Dortmund cogita nova redução salarial, mas não descarta renovação com Erling Haaland
Lance!
Dortmund cogita nova redução salarial, mas não descarta renovação com Erling Haaland


O Borussia Dortmund planeja uma nova redução salarial do elenco por conta dos efeitos da pandemia da Covid-19 na Alemanha, segundo o "Ruhr Nachrichten". Por conta do aumento do número de casos, as partidas do 2º turno da Bundesliga serão realizadas com portões fechados.

Sem a presença dos fãs no Signal Iduna Park, o Dortmund planeja deixar de arrecadar cerca de quatro milhões de euros (R$ 25,7 milhões) por jogo. Além disso, o clube tomou um prejuízo financeiro por ter sido eliminado na fase de grupos da Champions League e ter que disputar a Liga Europa.

> Veja a tabela da Bundesliga

No entanto, na contramão dos problemas econômicos, o Dortmund não descarta renovar o contrato de Erling Haaland. Segundo o "Bild", o clube alemão espera uma resposta do centroavante até fevereiro e o norueguês pode se tornar o atleta mais bem pago da história da equipe aurinegra.

Apesar do desejo da permanência do artilheiro, o clube alemão também planeja ter tempo para analisar outros atletas no mercado caso Haaland decida explorar a janela de transferências no próximo verão europeu.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários