Como fica a concorrência por vagas no Fluminense com os quatro reforços já confirmados
Luiza Sá
Como fica a concorrência por vagas no Fluminense com os quatro reforços já confirmados


O Fluminense está a todo vapor no mercado de transferências para a montagem do elenco da próxima temporada. Até o momento, o volante Felipe Melo e o atacante Willian já foram oficializados, mas o presidente Mário Bittencourt revelou que o lateral-esquerdo Mario Pineida e o zagueiro David Duarte também estão acertados . Com isso, a disputa de posições aumenta no elenco, agora treinado por Abel Braga .

O perfil está claro: dar mais experiência a um grupo que costuma ficar recheado de jovens. Na última temporada a estratégia já foi essa, com nomes como Cazares, Abel Hernández, David Braz e outros, mas o zagueiro foi o único que acabou sendo mais útil. Agora, a expectativa é ter uma porcentagem melhor de acerto para fazer valer o investimento, o maior dos últimos anos.

Vale ressaltar que o Flu não está em busca de goleiro neste momento e, portanto, terá mudanças apenas na linha. Na zaga, as opções são David Braz e Nino, atualmente considerados titulares, além de Luccas Claro, Manoel, Matheus Ferraz, Luan Freitas e do reforço David Duarte. Neste caso, assim como foi nas últimas temporadas, a disputa fica em alto nível pela qualidade dos atletas. Ainda pode haver saídas, já que nem todos vão ter chances.

Nas laterais, Pineida chega com a possibilidade de atuar pelos dois lados, mas principalmente pelo esquerdo. Egídio está de saída, o que deixa Marlon e Danilo Barcelos na disputa. Entretanto, quem chegaria para ser titular é Cristiano, do Sheriff, que está em conversas avançadas e seria comprado pelo Flu. Com pouco poder para investir assim, este é o setor que o clube colocou o foco.

Na direita, Samuel Xavier seguirá como alternativa, assim como Calegari, que pode aparecer no meio-campo também. Cabe lembrar que além das posições já em conversas, o Fluminense projeta mais dois reforços antes de fechar o elenco. A ideia seria acertar com todos antes do fim do ano.

No meio, as alternativas são Wellington, André e Felipe Melo (que ainda pode atuar como zagueiro) mais recuados, além de Martinelli, Yago Felipe e Nonato. Como homens de criação, o grupo tem Cazares, Paulo Henrique Ganso e Jhon Arias, que aparece também como ponta. Neste momento, o Fluminense observa as oportunidades de mercado por um camisa 10, mas não é a prioridade.

O ataque é onde o clube tem mais opções e está em busca de outras. Pelas pontas, Gabriel Teixeira, Caio Paulista, Luiz Henrique e Lucca. Willian pode aparecer como um segundo atacante atrás do centroavante, caindo pelas pontas ou até como falso 9, saindo mais da área, aparecendo ao lado ou até junto de Fred, que pretende se aposentar em julho de 2022.

Além disso, há o jovem John Kennedy e as situações de Abel Hernández e Raúl Bobadilla estão sendo avaliadas, mas, neste momento, o futuro de ambos parece longe das Laranjeiras. O clube busca Ricardo Goulart ou Germán Cano, tratando neste momento como um ou outro e não os dois.

O Fluminense prepara o elenco para disputar pela oitava vez a Libertadores, começando no dia 22 de fevereiro com o jogo de ida da segunda fase. O clube almeja voltar a disputar títulos, o que não acontece em competições de expressão desde 2012. Houve a taça da Primeira Liga em 2016, mas o último Brasileirão fará dez anos.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários