Clube italiano critica Douglas Souza por saída 'sem autorização'
Web Vôlei
Clube italiano critica Douglas Souza por saída 'sem autorização'


Em comunicado divulgado no final da manhã desta quinta-feira, o Vibo Valentia, da Itália, se pronunciou sobre a saída do ponteiro brasileiro Douglas Souza, que retornou hoje para o Brasil. Douglas publicou, nas redes sociais, que estava deixando a Itália e voltando para o Brasil e que depois explicaria o motivo da decisão. A saída dele foi divulgada com exclusividade pelo Web Vôlei nesta madrugada.

Na nota, a diretoria do Vibo Valentia diz que acusa o campeão olímpico “abandonou” o clube sem autorização. Leia, abaixo, a versão da equipe italiana na íntegra:

+ Dupla do Barueri sonha em repetir sucesso de Fabiana e Thaisa nas quadras

“Hoje, o Vibo Valentia soube que o atleta brasileiro Douglas Correia de Souza deixou a cidade e seus companheiros sem qualquer autorização e justificativa. O clube, profundamente decepcionado com o comportamento inexplicável do atleta, avaliará todas as ações para proteger os interesses do clube”.

Douglas Souza decidiu romper o contrato com a equipe, que ocupa a 11ª colocação no Campeonato Italiano, com apenas duas vitórias. Em postagens recentes, ele demonstrava estar insatisfeito com a adaptação. O atleta, inclusive, chegou a ficar fora de partidas de pré-temporada alegando o mesmo motivo.

Nas últimas horas, ele postou stories do Instagram relatando que está a caminho do Brasil, avisando aos seguidores que não fará lives nos próximos dias para resolver pendências assim que desembarcar no país.

Segundo o site italiano Volleyball.it, o Vibo já está atrás de um substituto para Douglas. Uma possibilidade seria o alemão Fromm, que está no Cannes, da França. Pela regra do Italiano, o clube não pode contratar “extracomunitários” por já ter utilizado a cota com Douglas, Maurício Borges, Flávio e Nishida. Desta forma, a reposição terá de ser feita com jogadores da Comunidade Europeia.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários