Suspenso, Marcos Rocha lamenta ficar de fora na final da Libertadores: ‘Vou sofrer’
LANCE!/NOSSO PALESTRA
Suspenso, Marcos Rocha lamenta ficar de fora na final da Libertadores: ‘Vou sofrer’


Titular no empate em 2 a 2 entre Palmeiras e Atlético Mineiro na noite desta terça-feira (23), no Allianz Parque, em São Paulo, Marcos Rocha foi o único atleta do time tido como principal do Verdão a atuar na partida diante do líder do Campeonato Brasileiro, o último encontro antes da final da Libertadores entre palestrinos e flamenguistas.

Isso porque o lateral-direito está suspenso por acúmulo de cartões e não poderá da final da Libertadores, confronto que ocorrerá no sábado (27), às 17h (de Brasília), em Montevidéu, no Uruguai. Por ter tomado o terceiro amarelo no empate diante do Atlético Mineiro na semifinal da competição continental, o experiente jogador vai assistir a partida na tribuna do Estádio Centenário.

Após o apito final da partida desta terça, Marcos comentou sobre o sofrimento em não poder atuar ao lado dos companheiros, relembrando que já viveu situação semelhante na Libertadores de 2013, quando ainda vestia as cores do Galo. Possivelmente com Mayke em seu lugar, Rocha desejou sorte ao substituto.

– Vou sofrer mais (não jogando a final). Queria muito estar com meus companheiros nesta partida, mas infelizmente tomei o terceiro amarelo. Muita confiança no Mayke, no Menino, em todo o grupo. O Abel fez a estratégia de rodar bastante a equipe, estão todos aptos para jogar a final no sábado. Estarei na torcida, mais uma vez, já que aconteceu comigo em 2013. Espero que se repita com uma vitória e mais um título – analisou o lateral ao Premiere.

Após decidir a Libertadores diante do Flamengo, no Uruguai, sem Marcos Rocha, camisa 2 e o clube Alviverde voltam a ter um compromisso pelo Brasileiro já na próxima terça-feira (30), contra o Cuiabá, fora de casa, pela 35ª rodada do Brasileirão.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários