Em noite de Fernando Miguel, Atlético-GO bate o Corinthians na estreia de Sylvinho
Fábio Lázaro
Em noite de Fernando Miguel, Atlético-GO bate o Corinthians na estreia de Sylvinho


Pela primeira rodada do Campeonato Brasileiro, o Atlético-GO surpreendeu o Corinthians e venceu por 1 a 0, neste domingo (30).

O atacante Zé Roberto foi o autor do único gol do jogo, que teve o goleiro atleticano Fernando Miguel como principal destaque. Além de fazer duas grandes defesas no primeiro tempo, quando o jogo estava empatado em 0 a 0, o arqueiro do Atlético defendeu um pênalti cobrado por Mateus Vital, aos 18 minutos do segundo tempo, e fez nova intervenção no rebote, em que o próprio batedor da penalidade finalizou na pequena área.

A partida marcou a estreia de Sylvinho com técnico corintiano e também o retorno de Eduardo Barroca ao comando do Dragão.

ATLÉTICO ABRE O PLACAR... MAS IMPEDIDO

Pressionando a saída de bola corintiana, o Dragão começou melhor jogando no erro da defensiva adversária e até conseguiu marar o primeiro gol, após João Paulo receber um passe em profundida entre os zagueiros do Timão, mas um pouco a frente do penúltimo defensor o impedimento foi marcado.

FERNANDO MIGUEL BRILHA COM DEFESAS

Ultrapassada a metade do primeiro tempo, o Corinthians começou a dar sinais de melhora e nisso criou duas grandes oportunidades que pararam no goleiro atleticano Fernando Miguel. Primeiro, com Ramiro batendo cruzado de primeira, após receber um lançamento pelo lado direito de ataque. Depois, com Lucas Piton, aproveitando uma sobra, emendando para o gol, mas parando no arqueiro adversário.

ATLÉTICO ABRE O PLACAR... E CONFIRMADO

No último minuto do primeiro tempo, o Atlético-GO abriu o placar, e dessa vez com um gol legal. Em uma jogada construída pelo lado direito de ataque, o Dragão chegou com Zé Roberto recebendo na entrada da grande área, servindo para João Paulo e recebendo para devolução no fundo na rede.

FERNANDO MIGUEL SEGUE BRILHANDO

No segundo tempo, o Corinthians voltou com as suas linhas mais altas, mas com pouca criação no último terço do gramado. O time que pecava no último passe, conseguiu um pênalti ao 17 minutos do segundo tempo em uma jogada individual de Gustavo Mosquito, que foi para cima da marcação, pelo lado direito, e foi derrubado pelo lateral Natanael.

Na cobrança, Mateus Vital bateu no canto direito de Fernando Miguel, que espalmou. No rebote, a bola voltou para o próprio Vital, que dominou, bateu no canto esquerdo, mas viu o goleiro atleticano se recuperar e fazer nova defesa.

CLIMA ESQUENTA EM ITAQUERA

Conforme o tempo ia passando, o clima foi ficando mais quente, principalmente por parte dos jogadores do Corinthians. Primeiro, Araos se estranhou com Fernando Miguel após uma bola perdida pela linha de fundo, sobrando até um ombro com ombro. Depois, Luan dividiu forte com a marcação atleticana e a dividida gerou um bate boca entre os atletas das duas equipes – nesse lance, o camisa 7 recebeu o cartão amarelo.

FICHA TÉCNICA
CORINTHIANS X SPORT HUANCAYO (PER)


Local: Neo Química Arena, São Paulo (SP)
Data e Hora: 30 de maio de 2021, às 18h15
Árbitro: Felipe Fernandes de Lima (MG)
Assistentes: Guilherme Dias Camilo (MG) e Frederico Soares Vilarinho (MG)
Árbitro de Vídeo: Emerson de Almeida Ferreira (MG)
Público e renda: Portões Fechados
Cartões amarelos: Roni, Luan, Ramiro, Araos e Camacho (Corinthians); William Maranhão, Nathan e Marlon Freitas (Atlético-GO)
Cartão vermelho:

GOL: 0-1 Zé Roberto (45'/1T)

CORINTHIANS: Cássio; Fagner, Gil, Raul e Lucas Piton; Roni (Araos, 14'/2T), Camacho (Adson, 27'/2T) e Ramiro; Gustavo Mosquito, Luan (Jô, 37'/2T) e Mateus Vital (Cantillo, 27'/2T). Técnico: Sylvinho

ATLÉTICO-GO: Fernando Miguel; Duda, Nathan, Éder e Igor Cariús; William Maranhão, Marlos Freitas, Ronald (Arnaldo, 42'/2T) e João Paulo (Baralhas, 45'/2T); Natanael e Zé Roberto (Lucão, 40'/2T). Técnico: Eduardo Barroca.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários