Publicidade
Publicidade - Super banner
Lutas
enhanced by Google
 

Brasileiros dominam card preliminar do UFC Rio

Thiago Tavares, Sertanejo e Yuri Marajó vencem. Ricardo Funch é nocauteado e Napão volta em grande estilo

Hilton Mattos e Rodrigo Farah, no iG Rio de Janeiro |

AP
O brasileiro Yuri Marajó venceu o japonês Michihiro Omigawa no UFC Rio
Na luta mais aguardada do card preliminar do UFC Rio, Thiago Tavares venceu o canadense Sam Stout na decisão unânime dos juízes mantendo a hegemonia brasileira. Do cinco combates iniciais, quatro foram contra estrangeiros. Destes, somente Ricardo Funch foi derrotado pelo norte-americano Mike Pyle. Nas demais lutas, além de Thiago, Felipe Sertanejo e Yuti Marajó venceram seus combates. Houve ainda o duelo entre compatriotas Gabriel Napão e Ednaldo Lula.

O evento começou bem para o Brasil. No primeiro combate da noite, Felipe Sertanejo mostrou grande poder de reação e abriu o caminho com uma vitória em grande estilo para a torcida verde-amarela. O paulista perdeu o primeiro round, mas se recuperou em seguida e derrotou o canadense Antonio Carvalho na decisão dos juízes.

Leia mais: Thiago Tavares quebra protocolo e dá entrevista antes da luta

Assim como prometido, o atleta de 23 anos entrou no octógono com o som da música “Amor Não Vai Faltar”, da dupla Bruno e Marrone, suficiente para levantar a torcida, que apoiou o lutador de maneira empolgada até o fim.

Veja ainda: Anderson Silva almoça com fãs no Rio e celebra 1 milhão de seguidores

“Se não fosse por vocês eu não teria ganhado essa luta. Aqui é Brasil. A gente não desiste nunca e vamos dividir essa vitória”, celebrou Sertanejo emocionado após o triunfo.

Apesar da postura ofensiva de Sertanejo, o canadense conseguiu uma queda e dominou o brasileiro no chão até a metade do primeiro round. Depois disso, eles ficaram em pé com trocações cautelosas.

E mais: Rival bate peso, e luta contra Belfort no UFC Rio é confirmada

O assalto seguinte seguiu da mesma forma, em pé, com leve vantagem para o brasileiro nos golpes. Até que no terceiro, o atleta da casa surpreendeu e conseguiu a queda, mantendo o controle até o fim. Vitória para Sertanejo por dois rounds a um.



Mike Pyle vence e provoca torcida
Logo na sequência, Mike Pyle interrompeu a festa brasileira ao nocautear Ricardo Funch no primeiro round após encaixar uma boa série de golpes. Depois do triunfo, ele começou a provocar a torcida levando as mãos aos ouvidos. Como resultado, escutou uma sonora vaia dos fãs e deixou o octógono xingado.

Marajó leva com facilidade
MiGCompFotoLinks_C:undefinedNa terceira luta da noite, Yuri Marajó derrotou o japonês Michihiro Omigawa por decisão unânime dos juízes. A luta teve um fato curioso no fim do primeiro round. O brasileiro finalizara o oponente com um armlock quando o tempo acabou. O público levantou, festejando a vitória de Marajó, mas se decepcionou com o recomeço da luta.

Confira também: Brasil recebe 1ª UFC de 2012 para dominar mercado em 2 anos

No segundo round, o brasileiro voltou a dominar o combate, mostrando mais agressividade na trocação e melhores posições na luta de solo. No terceiro, Michihiro levou Marajó para o chão, mas o brasileiro soube se defender das quedas e voltou a se importa na luta, levando com facilidade.

Napão volta com vitória no 1º round
Após duas derrotas em seus últimos combates do UFC, Gabriel Napão voltou com tudo no UFC Rio. O carioca mostrou bom jiu-jitsu e finalizou Ednaldo Lula com um mata-leão no primeiro round. Pior para o baiano parceiro de treinos de Junior Cigano, que estreou no torneio com derrota.  

Confira o card completo do UFC Rio:

Card principal:
José Aldo (BRA) venceu Chad Mendes (EUA) com um nocaute no 1º round
Vitor Belfort (BRA) venceu Anthony Johnson (EUA) por finalização no 1º round
Rousimar “Toquinho” Palhares (BRA) venceu Mike Massenzio (EUA) por finalização no 1º round
Erick Silva (BRA) venceu Carlo Prater (BRA) com um nocaute no 1º round
Edson Barboza (BRA) venceu Terry Etim (ING) com um nocaute no 3º round

Card preliminar:
Thiago Tavares (BRA) venceu Sam Stout (CAN) na decisão dos juízes
Gabriel Napão (BRA) venceu Ednaldo Lula (BRA) por finalização no 1º round
Yuri Marajó (BRA) venceu Michihiro Omigawa (JAP) na decisão dos juízes
Mike Pyle (EUA) venceu Ricardo Funch (BRA) por nocaute no 1º round
Felipe Sertanejo (BRA) venceu Antonio Carvalho (CAN) na decisão dos juízes

Leia tudo sobre: Felipe SertanejoUFC RioUFCAvai

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG