Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Oswaldo promete puxão de orelha em Elkeson: "É minha atribuição"

Passada a Copa do Brasil, o Bota foca o clássico do fim de semana contra o Vasco, pela Taça Rio

Gazeta |

Futura Press
Elkeson domina a bola no empate entre Botafogo e Treze
O Botafogo vencia o Treze-PB por 1 a 0 na noite desta quarta-feira, em João Pessoa, até os 46 minutos do segundo tempo, mas uma bola rebatida no atacante Manu acabou enganando o goleiro Jefferson e selou o empate por 1 a 1 no estádio Almeidão.

Confira todas as informações da estreia do Botafogo na Copa do Brasil

O lance poderia ser creditado ao acaso, mas na saída de campo um culpado já havia sido apontado: o meia Elkeson, que tinha a bola dominada no ataque, tentou um drible e fez com que os anfitriões partissem em velocidade para o gol carioca.

Deixe o seu recado e comente a notícia com outros torcedores

"A bola aqui foi no campo do adversário e acabou repercutindo lá atrás. Poderia proteger e segurar no ataque, cometeu um erro e deu chance para o contra-ataque", analisou o técnico Oswaldo Oliveira.

O comandante, no entanto, evitou supervalorizar o tema. Quando perguntado se iria chamar a atenção de seu meio-campista, ele falou: "O jogador é um ser humano, e acabou errando. Essa é minha atribuição (alertá-lo)".

O Glorioso agora se foca no clássico do final de semana, contra o Vasco, pela Taça Rio. "Veremos como ficaram os atletas para a partida. Vamos avaliar da melhor maneira para montar o time de domingo", encerrou.

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG