Técnico reconhece dificuldade encontrada pelo Vasco na vitória sobre o Duque de Caxias por conta da forte chuva que caiu em Macaé

O Vasco não superou apenas o Duque de Caxias na tarde deste domingo. A forte chuva que caiu em Macaé não impediu a realização da partida, mas atrapalhou muito o toque de bola do time da Colina, mais técnico que o rival.

Leia também: Sob chuva, Vasco supera semana tumultuada e Duque de Caxias

"Quando não dá para resolver na técnica, vamos na base da vontade. Tivemos dificuldade porque a chuva não deixava a bola rolar, mas a equipe se superou, como sempre", comemorou o técnico Cristovão Borges, feliz pelos gols de Juninho Pernambucano, Alecsandro e Diego Souza, que garantiram o triunfo por 3 a 1 e a manutenção dos 100%¨de aproveitamento na Taça Guanabara.

Confira a classificação da Taça Guanabara

Os elogios não se resumiram à raça, mas foram contidos pela dificuldade em observar outros quesitos. "Quando a bola rolou, o time foi bem. Cometemos alguns erros de passe, mas é difícil analisar por causa do estado do gramado. Achei que fomos bem", acrescentou Cristovão.

Veja ainda: Dinamite elogia camisa azul do Vasco

Na próxima rodada, o Vasco vai encarar o Bangu, nesta quarta-feira, em Moça Bonita.

Entre para a torcida virtual do Vasco e o ajude a subir no ranking nacional  

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.