Dinheiro foi gasto para buscar o jogador que estava com a seleção brasileira, no México, e valeu a vitória

Futura Press
Réver abriu o placar para o Atlético-MG e sofreu o pênalti convertido por Magno Alves
No banco de reservas da seleção brasileira na vitória de virada sobre o México , o zagueiro Réver quase ficou fora da partida do Atlético-MG contra o Santos . Por conta da complicada logística na volta de Torreón, cidade que ocorreu o amistoso, até o Brasil, seis clubes decidiram fretar um aviã o para contar com seus jogadores. A conta ficou na casa dos R$ 26 mil para cada equipe, no caso do Atlético-MG, o valor investido valeu bastante.

Veja também: Um ponto separa Atlético-MG do Cruzeiro. Veja a classificação atualizada

Réver foi fundamental na oitava vitória do time no Campeonato Brasileiro . O camisa 5 do Atlético-MG teve participação direta nos dois gols da equipe no triunfo por 2 a 1 sobre o Santos . No primeiro tempo ele abriu o placar e na segunda etapa o pênalti cometido por Crystian , que acabou expulso, foi no zagueiro atleticano. Além disso, sua função, que é defender, Réver fez muito bem.

Leia também: Selecionáveis assumem protagonismo e Neymar vira destaque negativo

nullA decisão da diretoria atleticana em pagar os R$ 26 mil para contar com seu zagueiro titular foi comemorada pela torcida e também pelo próprio Réver, que vê o ato como uma confiança em seu futebol. “Acho que o investimento que fizeram mostrou a total confiança que o Atlético-MG tem em cima do meu trabalho, fiquei muito feliz. Mas não foi o Réver sozinho que construiu isso, a equipe toda tem uma parcela muito grande nessa minha atuação, por também terem depositado confiança e tranquilidade. Fico feliz pelo resultado, pela equipe ter atuado bem, mas ainda não podemos nos acomodar, pois continuamos na zona do rebaixamento”.

Siga o Twitter do iG Atlético-MG e receba notícias do time em tempo real

A confiança em Réver também foi mostrada pelo técnico Cuca , que ressaltou a vontade que o jogador mostrou em se deslocar do México para o Brasil para ajudar o Atlético-MG neste momento tão complicado no Campeonato Brasileiro. “É o que a gente esperava do Réver, um líder, um jogador determinado. Chegou de tardinha e jogou, assim como o Neymar . Vale muito, estão parabéns, o Réver do nosso lado e o Neymar do lado deles”.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.