Técnico listou 23 nomes para os duelos contra Equador e Colômbia, válidos pelas Eliminatórias para a Copa de 2018. Brasil já está classificado

Tite tem apenas uma derrota no comando da seleção brasileira, mas está 100% nas Eliminatórias
Mowa Press
Tite tem apenas uma derrota no comando da seleção brasileira, mas está 100% nas Eliminatórias

O técnico Tite convocou, nesta quinta-feira, a  seleção brasileira para enfrentar Equador e Colômbia pelas Eliminatórias para Copa do Mundo de 2018, na Rússia, nos próximos dias 31 de agosto, uma quinta-feira, e 5 de setembro, uma terça-feira, em Porto Alegre e Barranquilla, respectivamente.

Leia também: Neymar elogia Tite e diz que ele resolveu problemas na seleção: "Deu liga"

A lista tem a volta de Neymar, que ficou de fora dos amistosos contra Argentina e Austrália no último mês de junho, além de dois jogadores do Corinthians, entre eles, Cássio. Fora isso, Luan, do Grêmio, foi convocado pela primeira vez desde que Tite assumiu o comando da seleção .

Já classificado, o Brasil lidera as eliminatórias com 33 pontos em 14 partidas. Colômbia, Uruguai e Chile aparecem na sequência e fecham, por enquanto, a zona de classificação direta para o Mundial da Rússia. A Argentina está na quinta colocação, que dá vaga na repescagem contra o campeão das eliminatórias da Oceania.

Leia também: Barça não recebe pagamento e estreia de Neymar no PSG pode ser adiada de novo

"Passado do atleta dentro do seu clube e na seleção. Presente e seu momento. Projeção futura para a Copa", explicou Tite sobre as escolhas durante coletiva de imprensa. Ele também comentou sobre a saída de Neymar do Barcelona para o PSG e a possibilidade de ser o melhor jogador do mundo em breve.

"O tempo de Neymar vai chegar, mas quando isso vai acontecer eu não sei. Vai depender do desempenho dele e da equipe que ele estiver", disse.

Confira a lista de 23 atletas:

Goleiros

Alisson (Roma-ITA) 
Cássio (Corinthians) 
Ederson (Manchester City-ING)

Laterais

Daniel Alves (PSG-FRA) 
Fagner (Corinthians) 
Filipe Luís (Atlético de Madri-ESP) 
Marcelo (Real Madrid-ESP)

Zagueiros

Marquinhos (PSG-FRA) 
Miranda (Inter de Milão-ITA) 
Rodrigo Caio (São Paulo) 
Thiago Silva (PSG-FRA)

Meio-campistas

Casemiro (Real Madrid-ESP)
Fernandinho (Manchester City-ING) 
Giuliano (Zenit-RUS) 
Paulinho (Guangzhou Evergrande-CHN) 
Philippe Coutinho (Liverpool-ING) 
Renato Augusto (Beijing Guoan-CHN) 
Willian (Chelsea-ING)

Atacantes

Neymar (PSG-FRA)
Luan (Grêmio)
Roberto Firmino (Liverpool-ING)
Gabriel Jesus (Manchester City-ING) 
Taison (Shaktar Donetsk-UCR)

Leia também: Tite é eleito 22º melhor técnico do mundo por jornal da França

Só uma derrota

Desde quando assumiu a seleção brasileira, Tite perdeu apenas uma partida, o amistoso contra a Argentina, mantendo a incrível campanha 100% dentro das Eliminatórias. De quebra, o treinador levou a equipe nacional à primeira colocação da competição, já carimbando seu passaporte de forma antecipada para Copa do Mundo de 2018, na Rússia.


    Leia tudo sobre: Futebol
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.