Sem anunciar time, Felipão só confirma Ronaldinho, Jean e Cavalieri

Por iG São Paulo * |

compartilhe

Tamanho do texto

Treinador da seleção brasileira se esquiva ao ser questionado sobre disputa entre Leandro Damião e Alexandre Pato no ataque

O técnico Luiz Felipe Scolari não utilizou o treino desta terça-feira para definir a escalação da seleção brasileira para o amistoso contra o Chile, na quarta. Sem dar pistas da equipe em campo, o treinador confirmou apenas três jogadores, entre eles Ronaldinho Gaúcho, que será mais uma vez capitão.

Deixe seu recado e comente a notícia com outros torcedores

"O Ronaldinho é importante e foi escolhido novamente para ser o capitão. Espero que ele ajude os outros jogadores com liderança", afirmou o comandante, demonstrando toda sua confiança na capacidade do jogador do Atlético-MG.

O técnico Luiz Felipe Scolari orienta o posicionamento de Ronaldinho Gaúcho e Neymar durante o treino da seleção brasileira. Foto: Vipcomm/Wagner CarmoJogadores da seleção brasileira recebem instruções de Felipão antes do treino no Mineirão. Foto: Vipcomm/Wagner CarmoFelipão comanda o treino da seleção brasileira no Mineirão. Foto: Vipcomm/Wagner CarmoNeymar domina a bola durante o treino da seleção brasileira, diante da marcação de Fernando. Foto: Vipcomm/Wagner CarmoO atacante Leandro, do palmeiras, participa do treino da seleção, no Mineirão. Foto: Vipcomm/Wagner CarmoLeandro tenta recuperar a bola de Paulinho, durante o treino da seleção brasileira. Foto: Vipcomm/Wagner CarmoNeymar se movimenta no gramado do Mineirão, onde a seleção realizou seu único treino antes do jogo contra o Chile. Foto: Vipcomm/Wagner CarmoAlexandre Pato brinca com André Santos antes do treino da seleção brasileira. Foto: Vipcomm/Wagner CarmoRonaldinho Gaúcho domina a bola no treino no Mineirão. Foto: Vipcomm/Wagner CarmoRonaldinho Gaúcho e Pato dominam a bola no treino comandado por Felipão. Foto: Vipcomm/Wagner Carmo

Além do meia-atacante, Felipão também divulgou com antecedência a preferência por Diego Cavalieri para assumir o gol nesta quarta-feira, deixando Jefferson como opção no banco. O volante Jean é mais um confirmado, mas improvisado na lateral direita, enquanto Marcos Rocha, que é de ofício da posição, fica no banco.

"Quero observar o Jean na lateral direita, e o Diego deve iniciar o jogo", declarou o treinador. Já as demais posições não foram reveladas por Felipão, que se esquivou ao ser questionado sobre a disputa entre Leandro Damião e Alexandre Pato.

"Respondo à pergunta amanhã (quarta-feira), uma hora antes do jogo", despistou. Com o mistério do treinador, o Brasil deve ter a seguinte base: Diego Cavalieri; Jean, Dedé, Réver e André Santos; Ralf (Fernando), Paulinho, Jadson e Ronaldinho Gaúcho; Neymar e Leandro Damião (Alexandre Pato).

*Com Gazeta

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas