Não utilização do volante partiu de orientação dos dirigentes à comissão técnica, diante da possibilidade de ele ser negociado

O volante Fellipe Bastos foi o único jogador do Vasco a não entrar em campo neste domingo, no amistoso contra o Ajax, que serviu como despedida para o ex-meia Pedrinho, ídolo cruzmaltino. Sua não utilização partiu de orientação dos dirigentes à comissão técnica.

Leia mais: Vasco vence o Ajax no jogo de despedida do meia Pedrinho

"Não usei porque me colocaram que era para ele não entrar em campo. Ele vinha treinando na equipe titular. Vamos aguardar a decisão da diretoria. Uma decisão que não compete a mim. Vou aguardar para saber se contarei com ele ou não", disse o técnico Gaúcho.

Fellipe Bastos, que completará 23 anos em fevereiro, estaria em negociação com o Internacional, segundo a imprensa gaúcha, e ficou o tempo todo no banco de reservas a fim de não se machucar e prejudicar uma eventual transferência.

Apesar da especulação, ao descer para o vestiário de São Januário, o jogador negou que esteja próximo de defender o time de Porto Alegre.

Seu contrato com o Vasco vence na metade de 2017, e o clube carioca, que atravessa problemas financeiros, ainda tem dívida com o Benfica, do qual ele foi comprado. O Inter, a propósito, assumiria esse débito para fechar o negócio ainda nesta semana.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.