Héber Roberto Lopes expulsa dois, e Equador derrota o Chile

Árbitro brasileiro dá cartão vermelho a dois chilenos no segundo tempo, e equatorianos conseguem importante vitória

Gazeta |

AP
Héber Roberto Lopes expulsa chilenos no segundo tempo, em Quito

O Equador derrotou o Chile por 3 a 1, em partida disputada nesta sexta-feira, no Estádio Olímpico Atahualpa, em Quito, pela nona rodada das eliminatórias sul-americanas da Copa do Mundo de 2014. A partida foi apitada pelo árbitro brasileiro Héber Roberto Lopes, que expulsou dois jogadores do Chile.

Comente esta notícia e deixe seu recado para outros torcedores

O resultado fez a equipe equatoriana chegar a 16 pontos ganhos e se igualar ao grupo que lidera a competição. O Chile permanece com 12 pontos ganhos, na quinta colocação. Na próxima rodada, o Equador visitará a Venezuela que não jogou nesta rodada. O Chile receberá a Argentina.

E o Chile foi quem saiu na frente, aos 25 minutos do primeiro tempo, quando Juan Carlos Paredes foi cortar um cruzamento e acabou marcando contra. Aos 33 minutos, o Equador empatou. Caicedo se aproveitou de falha da defesa chilena na saída de bola, invadiu a área, driblou o goleiro Pinto e deixou tudo igual.

Os equatorianos desempataram a partida aos 11 minutos do segundo tempo. Ibarra foi derrubado na área por Contreras. Pênalti que Caicedo bateu, Pinto defendeu parcialmente e o mesmo Caicedo empurrou para as redes. 

Foi aí que Héber Roberto Lopes expulsou Contreras por cometer a penalidade e logo depois, Arturo Vidal também foi excluído, deixando o Chile com apenas nove jogadores. Em desvantagem numérica, o Chile não conseguiu impedir o terceiro gol do Equador, marcado por Castillo, já nos acréscimos.


Para receber as notícias de Esportes envie igesportes para 49810 . 10 dias sem custos * * Após este período, custo de R$ 0,31 + imp. por mensagem recebida.
Leia tudo sobre: geneteliminatorias 2014equadorchile

Notícias Relacionadas


    Mais destaques

    Destaques da home iG