Billy Monger, de 17 anos, não conseguiu desviar de carro parado na pista e bateu em alta velocidade em Patrik Pasma, que não teve ferimentos graves

Palco de uma das melhores corridas da carreira do piloto Ayrton Senna na Fórmula 1, em 1993, o circuito de Donington Park, na Inglaterra, foi palco de uma tragédia durante uma disputa da Fórmula 4 britânica, uma das categorias consideradas 'de base' do automobilismo, no último final de semana.

Leia também: Dono de equipe da Fórmula 1 é preso na Inglaterra; leia mais

Tudo corria bem para o jovem piloto Billy Monger, de apenas 17 anos, que estava na disputa da sexta etapa do circuito do Reino Unido da modalidade, até que ele foi tentar fazer uma ultrapassagem por fora. Sem visão, encoberta por outros carros, Monger não viu o finlandês Patrik Pasma parado na pista e o acertou em cheio com o carro.

Billy Monger, piloto da Fórmula 4 britânica, sofreu acidente e teve as duas pernas amputadas
Reprodução
Billy Monger, piloto da Fórmula 4 britânica, sofreu acidente e teve as duas pernas amputadas

Por conta da batida muito forte, os dois carros envolvidos ficaram destruídos e os pilotos rapidamente foram levados a um hospital próximo do circuito. Pasma passou por exames e foi liberado pouco depois de sua chegada, entretanto, o caso de Monger foi muito mais grave.

Leia também: FIA anuncia que motores da F1 serão mais baratos e vão fazer mais barulho

Com multiplas lesões, o jovem piloto britânico terá que amputar as duas pernas. Como auxílio para recuperação, a equipe e família de Monger criaram uma 'vaquinha' com o objetivo de juntar 260 mil libras esterlinas (aproximadamente R$ 1 milhão, na cotação atual). Até o momento, foi arrecadado quase 32 mil libras esterlinas (cerca de R$ 128 mil).

Assista ao acidente abaixo

Através das redes sociais, alguns pilotos se pronunciaram sobre o acidente e a situação do jovem. Entre eles, Marcus Ericsson, da Sauber, que disputa a Fórmula 1, e Damon Hill, campeão mundial de Fórmula 1, em 1996, que desejaram uma boa recuperação.

Leia também: Museu da Lamborghini na Itália terá exposição sobre Ayrton Senna

"Desejando o melhor para Billy Monger depois do acidente na categoria do meu irmão. Tomara que dê tudo certo, se recupere logo", disse Ericsson. "Todos desejam a Billy o melhor possível", publicou Damon Hill. "Batida horrível. Pare um pouco e ajude Billy. Compartilhe, por favor. Obrigado", escreveu Charles Leclerc, piloto vencedor da F2 no Bahrein.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.