Tamanho do texto

Após críticas a brasileiros por amistoso no país, francês participa de evento do presidente Ramzan Kadyrov

Campeão mundial em 1998, Zidane participa de inauguração de estádio na Chechênia
Getty Images
Campeão mundial em 1998, Zidane participa de inauguração de estádio na Chechênia
O ex-jogador francês Zinedine Zidane inaugurará no dia 9 de maio o novo estádio do Terek Grozny, da capital da república da Chechênia, informou nesta quinta-feira o ministro de Cultura, Esportes e Turismo local, Haidar Aljanov.

"Zidane já confirmou sua participação na cerimônia de inauguração. Por isso, tenho certeza de que o evento será lembrado não apenas pelos chechenos, mas pelos torcedores de futebol de todo o mundo", afirmou Aljanov.

Também foram convidados os presidente da Uefa, Michel Platini, e do Real Madrid , Florentino Pérez, segundo agências de notícias russas. As autoridades da Chechênia também devem realizar um amistoso entre o Terek, que disputa a primeira divisão do Campeonato Russo, e algum grande clube europeu.

"Estamos negociando com Barcelona , Juventus e Manchester United ", revelou o ministro checheno.

O novo estádio de Grozny, onde voltarão a ser disputas partidas oficiais de futebol em 2011, após 14 anos de interrupção devido à guerra, terá capacidade para cerca de 30 mil espectadores. O local receberá o nome de Ajmat Kadyrov, pai do atual presidente checheno que foi assassinado em 2004, exatamente no dia 9 de maio, pela guerrilha separatista em um atentado a bomba.

Apesar de a ideia ter sido descartada em princípio pelo Governo, o líder checheno, Ramzan Kadyrov, ainda espera sediar algum jogo da Copa do Mundo de 2018, além de jogos de competições europeias. O Terek Grozny é treinado pelo ex-atleta holandês Ruud Gullit e conta no elenco com três brasileiros: o volante Maurício e o atacante Rodrigo Tiuí, ambos revelados no Fluminense , e o zagueiro Antônio Ferreira, ex-Profute, também do Rio de Janeiro.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.