Tamanho do texto

Atleta do Cimed/Sky e da seleção brasileira de vôlei tem um princípio de fratura por estresse no tornozelo esquerdo

Giba vem mostrando evolução na lesão no tornozelo esquerdo
Divulgação
Giba vem mostrando evolução na lesão no tornozelo esquerdo
O jogador Giba, ponteiro da Cimed/SKY, fez exames para avaliar a recuperação de sua lesão na tíbia  esquerda, que tinha um princípio de fratura por estresse. Os médicos constataram que houve uma evolução no quadro, mas que a contusão ainda está em fase de consolidação.

Leia mais: Pacheco diz que saiu por motivos pessoais e nega atrito com olímpicos

"Não vamos nos precipitar, não vamos correr riscos. Precisamos do Giba 100% para os playoffs da Superliga Masculina. Ele vai ser avaliado pelo nosso departamento médico semanalmente para retornar aos poucos às suas atividades normais", declarou Renan Dal Zotto, gestor da Cimed/SKY.

Confira também: Lesão na tíbia tira ponteiro Giba das quadras por 45 dias

A equipe de Giba foi pega de surpresa nesta quinta-feira, pois o técnico da equipe, Marcos Pacheco, pediu demissão do time. Segundo o ex-treinador do time, sua saída foi motivada por problemas pessoais, negando assim um possível desentedimento com os jogadores Giba e Gustavo.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.