Tamanho do texto

Seleção masculina ficou em terceiro lugar na Copa do Mundo e levou a última vaga do torneio

A seleção brasileira masculina de vôlei está classificada para as Olimpíadas de Londres , no ano que vem. O time comandado por Bernardinho venceu o Japão por 3 sets a 0, com parciais de 25/21, 25/19 e 25/22 neste domingo, emTóquio, assegurou a terceira colocação na Copa do Mundo e garantiu a sua vaga olímpica.

O destaque da partida foi o central Sidão. Ele foi o maior pontuador do lado nacional, com 15 acertos (12 ataques, dois bloqueios e um ponto de saque) e ainda foi eleito o melhor em quadra. Giba e Leandro Vissotto também se destacaram, com 13 e 12 pontos, respectivamente. Já Lucão fechou o jogo com 11 tentos. O japonês Kunihiro Shumizu também acertou 15 bolas e foi o melhor do lado anfitrião.

Leia também: Brasileiros admitem irregularidade na Copa do Mundo de vôlei

O Brasil teve uma campanha irregular na competição. A equipe perdeu para Itália, Cuba e Sérvia e só venceu a China no tie-break. Era preciso vencer todos os jogos da última rodada para se classificar com a última vaga - apenas os três primeiros colocados estariam nas Olimpíadas. Depois de bater Irã e Polônia , os brasileiros passaram pelos donos da casa.

Com a vitória, o Brasil levou o bronze, a vaga para 2012 e um prêmio individual. O líbero Serginho foi eleito o dono da melhor recepção da Copa do Mundo.

Serginho foi o único brasileiro a levar um prêmio individual na Copa do Mundo
Divulgação/FIVB
Serginho foi o único brasileiro a levar um prêmio individual na Copa do Mundo

Além da seleção brasileira, Rússia e Polônia estão nos Jogos Olímpicos . As duas equipes começaram a rodada classificadas e se enfrentaram no começo da madrugada, no horário de Brasília. Os russos venceram por 3 sets a 2, faturando o título do torneio.

Já a Itália, que ameaçava a seleção brasileira na classificação geral, passou pelo Irã por 3 sets a 1, mas como havia perdido por 3 a 2 para a Polônia no começo da quarta e última rodada, acabou na quarta colocação e terá que disputar o pré-Olímpico continental para sonhar com Londres 2012.

O jogo

O jogo começou equilibrado no set inicial. Na primeira parada técnica, o placar de 8/7 favorecia os japoneses, contudo, o Brasil voltou melhor para a partida e, na segunda parada, o placar já apontava a seleção brasileira na frente, com 16/12. Depois foi apenas administrar a vantagem para fechar a primeira parcial.

Comemoração do líbero Serginho com o técnico Bernardinho. Os dois haviam discutido durante o torneio
Divulgação/FIVB
Comemoração do líbero Serginho com o técnico Bernardinho. Os dois haviam discutido durante o torneio

No segundo set, o Japão começou novamente dando trabalho aos comandados de Bernardinho. Os donos da casa abriram o placar na frente com 4/1 logo no início da parcial e mantiveram a vantagem. O Brasil só conseguiu empatar em 19/19, com o ataque de Theo, que entrou bem na partida e junto com Giba fez a diferença. O experiente jogador da Seleção Brasileira foi ao saque e não saiu mais até o Brasil vencer outro set, com parcial de 25/19.

Na terceira parcial a seleção não deixou os japoneses cresceram na partida. Bem que o Japão tentou a virada e se aproximou no placar em 15/14, no entanto, a equipe verde-amarela continuou melhor e mesmo com a pressão nipônica ganhou o terceiro set, a partida e a vaga para Londres.

*com Gazeta Esportiva

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.