iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Vôlei

29/10 - 03:43

Brasil vence com facilidade na estreia do Mundial feminino
Seleção cometeu alguns erros na recepção, mas foi superior às africanas e fechou o jogo em 3 sets 0

Aretha Martins, iG São Paulo

A seleção brasileira feminina estreou com vitória fácil contra a frágil equipe do Quênia no Campeonato Mundial. O Brasil fez 3 sets a 0 com parciais de 25/15, 25/16 e 25/11 em uma hora e um minuto de partida em Hamamatsu, no Japão. O próximo confronto da equipe nacional, que busca o título inédito no torneio, será contra a República Tcheca, na madrugada deste sábado, às 2h (horário de Brasília).  

Aproveitando-se do confronto contra o rival mais simples do grupo B, Zé Roberto poupou jogadoras. Além de Natália, que já havia ficado fora do treino da quinta-feira com uma tendinite no ombro direito, a oposta Sheilla também ficou no banco. Em quadra, o técnico escalou a levantadora Dani Lins, a oposta Joycinha, as centrais Fabiana e Thaisa, as ponteiras Jaqueline e Sassá e a líbero Fabi.

Apesar da grande diferença no nível técnico para as brasileiras, as quenianas, que ocupam a 35ª posição no ranking mundial, eram pura festa. Cada ponto marcado era muito comemorado. O time nacional deu alguns pontos de graça e teve dificuldades em se concentrar e acertar a recepção do saque adversário em diversos momentos da partida. Entretanto, mesmo jogando abaixo do seu potencial, quando trabalhou as jogadas, as campeãs olímpicas e líderes do ranking dominaram com tranquilidade.

Jaqueline foi a maior pontuadora da partida, com 12 bolas no chão (oito no ataque, um no bloqueio e três no saque). Além disso, o Brasil marcou sete pontos no bloqueio e fez oito aces. Já na seleção do Quênia, o destaque foi Mercy Moim, com 11 pontos (nove no ataque, um no bloqueio e um no saque).  As quenianas fecharam o jogo com quatro pontos no bloqueio e um ace. O Brasil deu 12 pontos em erros e recebeu 19.

Divulgação
Jaqueline passa pelo bloqueio queniano na estreia no Mundial

O jogo
A partida começou com bloqueio queniano para cima de Joycinha, mas o Brasil logo recuperou a bola. Na sequência, abriu 6 a 1, com pontos em todos os fundamentos. Com erros de recepção do Brasil, as africanas voltaram a pontuar e o jogo chegou ao primeiro tempo técnico no 8 a 4. Na volta, a recepção seguiu ruim e as quenianas encostaram em 9 a 8 em um erro de ataque de Joycinha, que entrou no lugar de Sheilla, poupada para esta partida.

Logo depois, o Brasil recuperou a sua concentração e voltou a dominar. com bloqueio de Dani Lins e variação no ataque, abriu 14 a 8 e chegou ao segundo tempo com 16 a 9 no marcador. Apesar de alguns erros, o domínio brasileiro seguiu até o final da parcial, fechada em 25 a 15 depois de um erro da levantadora queniana de uma bola de cheque de Joycinha.

Quênia começou na frente mais uma vez no segundo set e fez 3 a 2 no maior rali do jogo, depois de três contra-ataques desperdiçados do Brasil, ainda mostrando pouca concentração. A virada nacional veio no 4 a 3, no erro da capitã queniana Khadambi. Aos poucos o Brasil abriu no placar e chegou a 12 a 7.

Com novos erros na recepção brasileira e um ponto de bloqueio, o Quênia encostou em 13 a 11, mas logo a seleção voltou a impor seus ataques e fez 16 a 11. O jogo manteve o mesmo ritmo na parte final, com erro de ataque de Thaísa e alguns pontos na rede do Quênia. Com cortada no chão de Jaqueline, Brasil fechou a parcial em 25 a 16.

Na última parcial, o Brasil deu um passeio. O bloqueio, que pouco funcionou, voltou a marcar. Para ajudar, Jaqueline foi para o saque. A ponteira, usando saques táticos, viu a seleção marcar 10 pontos em sua passagem no fundamento. A seleção chegou a 16 a 4 no marcador.

Aproveitando-se da ampla vantagem, Zé Roberto mudou metade do time nacional. Ele colocou em quadra a líbero Camila Brait, a central Carol Gattaz, a levantadora Dani Lins e a ponteira Fernanda Garay. Em um erro da seleção de Quênia, Brasil marcou 25 a 11 e liquidou a partida.


Leia mais sobre: vôlei seleção brasileira feminina Jaqueline Campeonato Mundial

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


AFP

Seleção

Seleção feminina
Brasil comemora vitória por 3 sets a 0 sobre a seleção do Quênia na estreia no Mundial

Topo
Contador de notícias