Tamanho do texto

Ryan Harrison levantou a torcida local em partida que durou pouco mais de uma hora

O jovem de 19 anos Ryan Harrison levantou a torcida norte-americana nesta segunda-feira. O anfitrião bateu o argentino Juan Ignácio Chela com um duplo 6/3, na estreia do Masters 1000 de Cincinnati, nos Estados Unidos.

Harrison, atual número 78 do ranking mundial, foi mais incisivo na devolução - ao anotar 46% das bolas colocadas em jogo pelo hermano -, e fechou a partida em um pouco mais de uma hora.

Na atual temporada, a promessa americana conquistou o título de Honolulu e alcançou a fase de semifinal em Savannah, Atlanta e Los Angeles.

Na segunda rodada, o adversário de Harrison será nada menos que o número um do mundo Novak Djokovic, que virá embalado pelo título de Montreal no último final de semana. O confronto será inédito no circuito.

Monaco vira sobre alemão Haas e avança
O argentino Juan Monaco tomou um susto, mas juntou os cacos e estreou com triunfo em Cincinnati: 2 sets a 1, parciais de 6/7 (5-7), 6/4 e 6/3. O embate teve fim depois de mais de duas horas.

Na sequência, o atleta sul-americano terá pela frente o vencedor entre o alemão Florian Mayer e o croata Ivo Karlovic.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.