Tamanho do texto

Já Isner, que venceu seu compatriota Mardy Fish na estreia, foi derrotado por Stakhovsky pelo placar de 2 sets a 1

O espanhol David Ferrer garantiu sua classificação para a próxima fase do Masters 1000 de Madri nesta terça-feira, ao bater, por 2 sets a 1, o francês Adrian Mannarino, com parciais 7/5, 0/6 e 6/0 após 1h54 de jogo. Com a vitória, Ferrer terá pela frente o ucraniano Sergiy Stakhovsky, que barrou o norte-americano John Isner e carimbou sua vaga na fase seguinte em Madri.

Favorito no embate, o número 6 do ranking da ATP teve que suar a camisa para abrir vantagem no primeiro set e garantir a vitória por 7/5. Entretanto, no segundo, sofreu um apagão e um "pneu" do ucraniano, que empatou a partida. No terceiro e decisivo set, Ferrer voltou melhor ao jogo e devolveu o placar adverso, fechando a última parcial também em 6/0.

Já Isner, que venceu seu compatriota Mardy Fish na estreia, foi derrotado por Stakhovsky pelo placar de 2 sets a 1, parciais de 7/5, 4/6 e 7/6 (7-3). O espanhol Fernando Verdasco foi surpreendido por Yen-Hsun Lu por 2 sets a 0, que enfrentará agora o belga Xavier Malisse.

Outro favorito que decepcionou nesta terça-feira foi o canadense Milos Raonic, derrotado pelo local Feliciano Lopez. O espanhol conquistou a vitória, de virada, por 2 sets a 1, parciais de 4/6, 7/6 (7-2) e 6/4 e terá como oponente o suíço Roger Federer na segunda rodada.

Por fim, Guilhermo Garcia-Lopez conseguiu superar o holandês Thiemo De Bakker e aguarda o confronto entre o sérvio Novak Djokovic contra o sul-africano Kevin Anderson para conhecer seu oponente na próxima fase do Masters 1000 de Madri.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.