Tamanho do texto

Petra Kvitova e Iveta Benesova colocam a República Tcheca em vantagem na disputa por vaga na semifinal da Fed Cup

Atual campeã da Fed Cup, torneio feminino de tênis entre nações, a República Tcheca teve muito trabalho para abrir vantagem sobre a Alemanha neste sábado. Jogando em Stuttgart, Iveta Benesova e Petra Kvitova perderam os primeiros sets de suas partidas, mas conseguiram virar os jogos e garantiram o placar de 2 a 0 para seu país.

VEJA MAIS: Sharapova e Kuznetsova atropelam espanholas e Rússia abre 2 a 0

Na primeira partida do dia, a alemã Sabine Lisicki, número 14 do mundo, era favorita contra Benesova e iniciou bem a partida. Apoiada pela torcida, a dona da casa deu sinais de que não teria dificuldades e venceu o primeiro set por 6/2. Mas a tcheca mudou de atitude após perder a parcial inicial, virou o placar e venceu: 2 sets a 1, parciais de 2/6, 6/4 e 6/2.

VEJA TAMBÉM: Azarenka assume topo da WTA, e Wozniacki cai para o 4º lugar

O segundo jogo foi uma batalha entre Julia Goerges e Petra Kvitova, vice-líder do ranking mundial. Após cada uma vencer um set, as tenistas duelaram por 18 games na terceira parcial, até que a tcheca frustrou a torcida e conseguiu o segundo ponto da República Tcheca com uma vitória por 3/6, 6/3 e 10/8.

As tenistas voltam à quadra neste domingo, para a definição do confronto que vale vaga na semifinal da Fed Cup. O dia será aberto com o jogo entre Kvitova e Lisicki, que já pode selar a vitória da República Tcheca, e terá sequência com o embate de Benesova e Goerges. Se as alemãs vencerem as duas partidas, o classificado sairá no embate entre as duplas dos países.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.