Tamanho do texto

Na ponta do ranking, não houve mudanças entre os 13 primeiros colocados, com Djokovic na liderança absoluta

Bellucci lamenta em derrota
EFE/Herbert Neubauer
Bellucci lamenta em derrota


Apesar da queda na estreia no Brasil Open, Thomaz Bellucci ganhou duas colocações no ranking atualizado pela ATP nesta segunda-feira. O número 1 do Brasil subiu para o 33º lugar, garantindo sua posição de cabeça de chave nos Masters 1000 de Indian Wells e Miami, ambos nos Estados Unidos.

Bellucci será um dos 32 cabeças de chave porque o suíço Roger Federer já anunciou que não competirá nos EUA, em razão de recente cirurgia no joelho. Desta forma, o brasileiro tem boas chances de enfrentar rivais de pouca expressão nas primeiras rodadas das duas competições - Indian Wells terá início no dia 10 e Miami, no dia 23.

Mesmo com esta garantia, Bellucci não é maior destaque brasileiro no ranking. Thiago Monteiro, surpresa tanto no Rio Open quanto no Brasil Open, deu um novo salto na lista. O tenista de 21 anos pulou 38 posições e aparece agora na 240ª colocação. Há duas semanas, Monteiro era apenas o 338º.

Thiago Monteiro subiu no ranking
DIVULGAÇÃO/RIO OPEN
Thiago Monteiro subiu no ranking

Entre Bellucci e Monteiro, há outros quatro brasileiros. Rogério Dutra Silva ocupa o 115º posto, enquanto André Ghem é o 153º. Guilherme Clezar está em 176º e João Souza, o Feijão, se manteve em 211º.

Na ponta do ranking, não houve mudanças entre os 13 primeiros colocados. O sérvio Novak Djokovic segue liderança com ampla folga. E o francês Richard Gasquet aparece na outra extremidade do Top 10.

A primeira mudança na lista aconteceu na 14ª posição, agora ocupada pelo austríaco Dominic Thiem. O tenista de 22 anos, em franca ascensão no circuito, se sagrou campeão do Torneio de Acapulco, no México, neste fim de semana, e obteve seu melhor resultado na lista da ATP. Com o título, ganhou a posição do sul-africano Kevin Anderson, que caiu para o 15º lugar.

Outro destaque da semana foi o uruguaio Pablo Cuevas, campeão do Brasil Open, em São Paulo. Ao faturar seu segundo título consecutivo, já que tinha vencido também o Rio Open, Cuevas subiu para o 25º posto, consolidando seu crescimento recente na lista. Há duas semanas, era o 45º.

Confira a lista dos 20 primeiros colocados do ranking da ATP :

1º - Novak Djokovic (Sérvia), 16.580 pontos
2º - Andy Murray (Grã-Bretanha), 8.765
3º - Roger Federer (Suíça), 8.295
4º - Stan Wawrinka (Suíça), 6.325
5º - Rafael Nadal (Espanha), 4.810
6º - Kei Nishikori (Japão), 4.030
7º - Tomas Berdych (República Checa), 3.900
8º - David Ferrer (Espanha), 3.505
9º - Jo-Wilfried Tsonga (França), 2.950
10º - Richard Gasquet (França), 2.715
11º - John Isner (EUA), 2.585
12º - Marin Cilic (Croácia), 2.555
13º - Milos Raonic (Canadá), 2.450
14º - Dominic Thiem (Áustria), 2.430
15º - Kevin Anderson (África do Sul), 2.065
16º - David Goffin (Bélgica), 1.970
17º - Gael Monfils (França), 1.950
18º - Roberto Bautista Agut (Espanha), 1.935
19º - Gilles Simon (França), 1.895
20º - Bernard Tomic (Austrália), 1.885
33º - Thomaz Bellucci (BRASIL), 1.200
115º - Rogério Dutra Silva (BRASIL), 510
153º - André Ghem (BRASIL), 385
176º - Guilherme Clezar (BRASIL), 317
211º - João Souza (BRASIL), 246
240º - Thiago Monteiro (BRASIL), 220