Tamanho do texto

Espanhol pode se classificar com uma rodada de antecedência caso Stan Wawrinka passe por David Ferrer nesta quarta-feira

Nadal não deu chances ao escocês
Facundo Arrizabalaga/EFE
Nadal não deu chances ao escocês

Em uma de suas atuações mais sólidas na temporada, o espanhol Rafael Nadal colocou um pé nas semifinais do ATP Finals nesta quarta-feira ao vencer um oscilante Andy Murray por 2 sets a 0 na O2 Arena, em Londres, com parciais de 6-4 e 6-1, em 1h32min.

Em busca do título mais importante entre os quais ainda não conquistou na carreira, Nadal, número 5 do mundo, superou o vice-líder do ranking da ATP e assumiu a liderança isolada do grupo Ilie Nastase com dois triunfos.

Dessa forma, o "Toro Miúra" se classificará ainda nesta quarta-feira caso o suíço Stan Wawrinka bata outro espanhol, David Ferrer. Caso isso não ocorra, o eneacampeão de Roland Garros precisará vencer apenas um set contra Ferrer na próxima sexta-feira.

Leia mais: Tenistas não terão pontos do ranking no Rio devido a desacordo entre ITF e ATP

Murray, por sua vez, precisará bater Wawrinka e ainda "secar" Ferrer para se colocar entre os quatro melhores do torneio pela terceira vez, a primeira desde 2012.

Assim como ocorrei na segunda-feira, quando passou por Stan também em sets diretos, Nadal começou o jogo perdendo o serviço e devolvendo a quebra logo em seguida.

A partir de então, o espanhol foi se impondo aos poucos e teve 15-40 no saque de Murray no sexto e no oitavo games. A nova quebra, porém, veio apenas no décimo, em que ele fechou a parcial em 6-4.

Errático e visivelmente nervoso, o tenista da casa não conseguiu se recuperar psicologicamente e viu o adversário abrir 3-0 no começo do segundo set. O escocês enfim ganhou um game em seguida, mas perdeu os outros três e foi derrotado por 6-1.

Com o resultado na O2 Arena, o canhoto de 29 anos ampliou o domínio no confronto direto com Murray para 16 vitórias em 22 partidas. No único duelo anterior ocorrido em 2015, na final do Masters 1000 de Madri, o britânico havia levado a melhor.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.

    Notícias Recomendadas