iG - Internet Group

iBest

brTurbo

05/03 - 17:06

Manobras no 'coração do Rio' abrem calendário do skate

Com mais estrangeiros, Oi Vert Jam acontece neste final de semana e vale pontos para o Circuito Mundial de skate

Por Mariana Canedo, especial para o iG Esporte

RIO DE JANEIRO – Será disputada pela nona vez na Lagoa Rodrigo de Freitas, zona sul do Rio de Janeiro, o Oi Vert Jam. O evento abre o Circuito Mundial WCS (World Cup Skateboarding) e faz parte dos eventos Grand Slam WCS 2009, que somam pontos para o Ranking Anual WCS. Do dia seis ao dia oito de março, veteranos e novatos terão a Lagoa e o Cristo Redentor como pano de fundo para arrepiar com manobras e somar pontos no mundial. Na última edição da competição, Bob Burnquist, Sandro Dias e Lincoln Ueda formaram o pódio brasileiro.

“Nesta edição temos mais estrangeiros que ano passado e a novidade da Jam Session na semifinal e na final. As provas de melhor manobra e melhor manobra com a réplica de um carro também vão descontrair bastante a competição”, disse Márcia Casz, da empresa que organiza o evento.

“É bom ter mais estrangeiros participando porque fica mais real a competição. O nível lá fora é mais elevado, portanto, quando você ganha uma competição no Brasil, você sabe que nem sempre está competindo com os melhores. Tudo que eu puder fazer para incentivar a participação dos feras no Brasil, eu vou fazer”, completou Burnquist.

Mariana Canedo
O 'half' do Oi Vert Jam, que reúne brasileiros e estrangeiros no Rio de Janeiro
 

Programação do evento
Na sexta-feira, entre 30 e 40 skatistas farão eliminatórias em três baterias. Dez se classificam para as provas de sábado, em que a disputam com outros dez atletas pré-classificados vagas para a próxima fase Os critérios para pré-classificação levaram em consideração o ranking mundial de 2008, a classificação geral no WCS e a classificação em edições anteriores do evento. No primeiro dia de provas, os treinos começam às 11h30 e terminam às 14h30. Das 15h às 17h15 serão realizadas as provas.

Entre os pré-classificados pelos critérios estão o campeão da competição e do WCS de 2008, Bob Burnquist, Lincoln Ueda, terceiro colocado na competição e no WCS do ano passado, e Pierre Luc Gagnon, canadense considerado um dos melhores do skate vertical da atualidade.

Sandro Dias, segundo colocado no ranking após mudanças na pontuação do Circuito Mundial WCS de 2008, estava pré-classificado, mas participará como espectador, pois tem a perna esquerda imobilizada devido a uma lesão no ligamento posterior. “Sem problemas, estou feliz porque aconteceu andando de skate. Daqui a pouco estou de volta”, disse o vice do WCS do ano passado.

No segundo dia de competição, pré-classificados e classificados pelas baterias de sexta disputam individualmente oito vagas para a semifinal. Depois de conhecidos os semifinalistas, todos os inscritos são convidados a participar da Xpression Session e da melhor manobra Xtreme, a primeira na rampa e a segunda com uma réplica de um carro. Os treinos começam às 10h e vão até 12h15. Das 13h às 14h são disputadas as baterias e às 15h30 começam as sessões interativas. 

Mariana Canedo
Otávio Neto: Brasil na disputa
No domingo, os treinos irão começar às 9h e as três baterias da semifinal e da final estão previstas para terminar por volta das 11h.  Na semifinal, cinco se classificam para a final, após duas baterias de oito minutos cada, sem contar com a volta de apresentação dos atletas. Na Jam Session, como é denominado este formato de disputa, o skatista sai quando cair ou quando completar 40’ na rampa. A final será disputada em uma bateria, também no sistema Jam Session. A  bateria final terá dez minutos.

Em seguida, às 11h30, começa a competição de duplas, que fecha o evento. Nestas provas os cinco melhores colocados no Vert Jam de 2008 escolhem seus parceiros. A prova é interativa e não vale pontos.

O australiano Nathan Beck, conhecido entre os colegas apenas como Jimmy, ressaltou a beleza da cidade como um forte tempero para a primeira competição válida para o WCS da temporada: “O Rio de Janeiro é muito bonito. Tenho certeza que a competição será ótima para todos os participantes. Já fui conhecer o cara lá em cima e o Pão de Açúcar. Para começar bem a competição”, brincou, referindo-se ao Cristo Redentor no Morro do Corcovado.


Leia mais sobre: Bob Burnquist Sandro Dias skate Oi Vert Jam

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Mariana Canedo

bob

Bob Burnquist
Atual campeão do circuito mundial, brasileiro é um dos mais fortes candidatos ao título

Topo
Contador de notícias