Tamanho do texto

Nadador brasileiro decide nesta terça-feira os 200 m peito e pode igualar a marca de dez ouros pan-americanos de Hugo Hoyama

A uma vitória do recorde. Nesta terça-feira, o brasileiro Thiago Pereira voltou a mergulhar no parque aquático do Pan-Americano de Guadalajara 2011 e assegurou sua classificação para a final dos 200 m peito sem forçar o ritmo, com o tempo de 2min17s15.

Leia também: Thiago Pereira nada para igualar Hugo Hoyama

Pereira, desta forma, tem a chance de alcançar na decisão, ainda nesta noite, o recorde brasileiro de dez medalhas douradas pan-americanas do mesatenista Hugo Hoyama . Algo apropriado para um atleta que é conhecido como "Mr. Pan.

“Fiquei na última semifinal então deu para ver o ritmo de todos os outros e achei melhor maneirar”, ressaltou o atleta. “Antes de pensar nisso [no recorde] tenho que nadar para ganhar. Vou deixar para pensar depois”, completou.

Veja também: Patrocínio em touca quase custa ouro a brasileiro

Há quatro anos, no Rio de Janeiro 2007, o carioca também venceu os 200 m peito. Embora não seja sua especialidade, Pereira (que tem o 14º tempo do mundo na distância, 2min10s79) chega para a prova com a melhor marca entre todos os inscritos, o que lhe dá um favoritismo antecipado.

Mais finalistas
Outros brasileiros conseguiram se classificar para as finais desta terça: Joanna Maranhão , nos 400 m medley, com a segunda melhor marca das eliminatórias e chances de pódio, e André Schultz , nos 200 m livre, com a sexta marca entre todas as séries foram dos dois atletas verde-amarelos que avançaram.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.