Tamanho do texto

No masculino e feminino, Brasil conquistou o 3º lugar na competição continental

O polo aquático brasileiro não decepcionou em Guadalajara , mas também não deu motivo para muitos aplausos após a disputa dos Jogos Pan-Americanos . Com duas medalhas de bronze, uma no feminino e outra no masculino, a modalidade cumpriu com o esperado e subiu ao pódio. Assim como havia feito nos Pan de Winnipeg-99 e Santo Domingo-03, a seleção brasileira feminina conquistou a medalha de bronze na competição.

Veja também: O 16º dia em Guadalajara: O último grande herói

Com a conquista, as meninas do Brasil confirmaram ser uma das forças do continente. A modalidade feminina, de polo , só começou a participar dos Jogos em 1999. De lá para cá, assim como na maioria dos esportes Olímpicos , as norte-americanas dominaram as conquistas. Porém, os resultados do Brasil provam que o país também é uma das potências na modalidade.

Leia também: Diego Hypólito aprendeu a gostar da cor de outras medalhas

No masculino, de maneira incrível, a seleção brasileira acabou eliminada na semifinal. Jogando no Centro Aquático , de Guadalajara , o Brasil não soube aproveitar as oportunidades e foi derrotado pelo Canadá, por 8 x 6. Na disputa pelo 3º lugar, os brasileiros bateram os cubanos e asseguraram mais um triunfo para o país.


    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.