Tamanho do texto

Ex-piloto de Fórmula 1 venceu prova no ciclismo de estrada

Alessandro Zanardi
Divulgação
Alessandro Zanardi

O ex-piloto italiano de Fórmula 1 Alex Zanardi, de 49 anos, conquistou na manhã desta quarta-feira (14) o ouro na prova contra o cronômetro H5, para paraplégicos, do ciclismo de estrada dos Jogos Paralímpicos Rio 2016.

FIQUE LIGADO:  Tempo real dos Jogos Paralímpicos no iG Esporte

Para conqusitar a medalha, ele superou o australiano Stuart Trip, segundo colocado, por apenas dois segundos. "Dedico este ouro a Gianmarco Tamberi" , declarou Zanardi, se referindo ao saltador em altura italiano que era esperança de medalha nas Olimpíadas, mas foi cortado de última hora por causa de uma lesão.

Protagonista de uma das maiores histórias de superação do esporte, o italiano foi bicampeão da CART (1997 e 1998) e disputou cinco temporadas da categoria mais importante do automobilismo, a Fórmula 1, a última delas em 1999, representando a equipe Williams.

Ao retornar para a CART, em 2001, sofreu um grave acidente no circuito oval de Lausitz, na Alemanha, e teve as duas pernas amputadas. Mesmo assim, Zanardi nunca desistiu das corridas. Depois de um período de recuperação, ele disputou o WTCC e saiu vitorioso em três oportunidades.

LEIA MAIS:  Cego e testemunha da guerra, angolano disputa Paralimpíada pelo Brasil

Foi no paraciclismo, no entanto, que ele se encontrou, iniciando nas competições em 2007. E não demorou para ele passar a colecionar pódios, três deles já na Paralimpíada de Londres 2012, com dois ouros (nas provas de cronômetro e em linha) e uma prata (revezamento).

Agora, aos 49 anos, ele conseguiu repetir o feito de ouro na prova contra o cronômetro no Rio de Janeiro. "Ele é igual ao vinho. Melhora envelhecendo" , disse o presidente do Comitê Paralímpico da Itália, Luca Pancalli.