Tamanho do texto

Brasileiro entra para história com o primeiro pódio do País na chave individual da modalidade

Israel Stroh levou a medalha de ouro no tênis de mesa
Rio 2016/REPRODUÇÃO
Israel Stroh levou a medalha de ouro no tênis de mesa

Israel Stroh já havia feito história ao se classificar para final do tênis de mesa categoria 7, garantindo a primeira medalha individual do País na modalidade em todos os tempos. Nesta segunda-feira, porém, ele falhou na tentativa de ficar no lugar mais alto do pódio, perdeu do britânico William John Bayley por 3 sets a 1 e ficou com a prata. 

Confira o quadro de medalhas dos Jogos Paralímpicos

Em todo caso, ele deixou seu nome de vez gravado na memória do esporte paralímpico, já que a única presença brasileira em uma decisão antes da final de Israel aconteceu em Pequim 2008, quando Welder Knaf e Luiz Algacir ficaram com a prata da classe 3, em duplas, na única medalha da história na modalidade.

Na decisão, o primeiro set foi bastante disputado, mas quem levou a melhor foi o britânico, que venceu por 11 a 9. Na segunda parcial, o brasileiro começou bem melhor e abriu boa vantagem, vencendo por 11 a 5. Já no terceiro set, que também foi equilibrado, Israel cometeu alguns erros e Bayley voltou a triunfar, outro 11 a 9. O britânico se aproveitou da desatenção de Israel no quarto set, fez 11 a 4 e comemorou o ouro.

Lembrando que na própria Paralimpíada do Rio de Janeiro, os dois tinham se cruzado logo na primeira rodada, e Israel venceu por 3 a 1.