Tamanho do texto

Brasileiro ficou com a prata nos 100m peito, mas ficou perto de levar o ouro, que acabou ficando com o chinês

Daniel Dias ficou com a prata nos 100m peito
Reprodução/Twitter
Daniel Dias ficou com a prata nos 100m peito

Daniel Dias segue fazendo história na natação das Paralimpíadas do Rio 2016.  O brasileiro conquistou sua quarta medalha nessa edição dos Jogos na noite deste domingo (11). No caso, a de prata, na prova de 100m peito. Dias ainda deu um gás no fim e por muito pouco não ficou em primeiro. O chinês Junsheng Li levou o ouro e a medalha de bronze ficou com o colombiano Moises Fuentes.

Brasil perde para o Egito no vôlei sentado e agora tem de vencer a Alemanha

Antes dessa prata, Daniel conquistou o bronze nos 50m borboleta, na noite do sábado (10). Na quinta-feira (8), ele ficou com o ouro nos 200 metros livre e no dia seguinte levou a prata no revezamento misto 4x50m livre.

Daniel Dias segue em busca de se tornar o maior medalhista da natação em Jogos Paralímpicos, recorde que pertence ao australiano Matthew Cowdrey, com 23 pódios, sendo que o brasileiro já levou 19 medalhas - Cowdrey não está disputandos essas Paralimpíadas.

Confira agenda do Brasil dessa segunda de Paralimpíada

Para se tornar bater esse recorde, Daniel tem de terminar entre os três primeiros nas cinco provas que ainda competirá: 50m livre S5, 100m livre S5, 50m costas S5, além dos revezamentos 4x100m livre masculino 34 pontos e 4 x 100m medley masculino 34 pontos.