Tamanho do texto

Suvi Mikkonen caiu nas quartas de final e acabou com as chances de a brasileira lutar pela repescagem e buscar o bronze

Júlia Vasconcelos perdeu para adversária da Finlândia nas oitavas de final
Reprodução Twitter
Júlia Vasconcelos perdeu para adversária da Finlândia nas oitavas de final

Estadão Conteúdo

A brasileira Júlia Vasconcelos está fora do tae kwon do nos Jogos Olímpicos do Rio. Depois de perder sua primeira luta nesta quinta-feira, válida pela primeira fase da categoria até 57kg, ela precisava que sua algoz chegasse à decisão para ter chances de disputar a repescagem. Mas a finlandesa Suvi Mikkonen caiu nas quartas de final e eliminou Júlia indiretamente.

Rio 2016Acompanhe os Jogos Olímpicos em tempo real

Em sua segunda luta na competição, a finlandesa sofreu com o forte ritmo imposto pela sueca Nikita Glasnovic e foi facilmente derrotada por 7 a 4. Mikkonen, agora, precisa que a adversária passe da semifinal para ter chance de brigar pelo bronze.

Mais cedo, Júlia Vasconcelos teve bom desempenho no começo da luta - chegou a abrir 3 a 0 no placar. Mas, aos poucos, Mikkonen foi igualando o confronto. E, já no fim, venceu por uma pequena margem.

As disputas do tae kwon do seguem nesta sexta-feira com as categorias até 67kg, no feminino, e até 80kg, no masculino. O último brasileiro a lutar é Maicon Siqueira, apenas no sábado, na categoria acima de 80kg.

DERROTA NA ESTREIA

Júlia Vasconcelos perdeu logo na sua estreia nos Jogos do Rio. Em luta válida pela primeira fase da categoria até 57kg do tae kwondo, na Arena Carioca 3, a 24ª colocada no ranking olímpico perdeu para a finlandesa Suvi Mikkonen, a 33ª da lista, por 10 a 9.

Fique por dentro: Quadro de medalhas do Rio 2016

Ela teve bom desempenho no começo da luta, chegando a abrir vantagem de 3 a 0 no placar, mas permitiu a virada da finlandesa, que fechou o primeiro round em vantagem de 4 a 3. No segundo, Suvi parecia ter mais facilidade para disparar os golpes, tanto que chegou a fazer 6 a 3.

A brasileira, porém, reagiu e igualou o placar em 6 a 6 ao acertar um chute no tronco da adversária e chegou a virar o marcador no início do último round, graças a uma punição recebida pela finlandesa. Mas a rival voltou a encaixar golpes e assegurou o seu triunfo.