Tamanho do texto

"Estou me despedindo feliz. Eu não fugi da raia, tentei. Hoje eu tive uma péssima largada, mas tentei", disse João Vitor após a prova

Estadão Conteúdo

Nas semifinais dos 110 metros com barreiras, João Vitor de Oliveira e Eder Antonio Souza não foram bem em suas respectivas eliminatórias, na noite desta terça-feira, no Engenhão, na Olimpíada do Rio de Janeiro.

Confira o tempo real dos Jogos do Rio 2016

João das Barreiras, que havia chegado à semifinal por causa de um "peixinho" na chegada, largou mal e chegou em último na sua série, com 13s85 - na fase inicial, ele havia feito 13s63. Desta vez, ele não tentou o "peixinho" para se aproximar da chegada.

"Estou me despedindo feliz. Eu não fugi da raia, tentei. Hoje eu tive uma péssima largada, mas tentei. Tem de aprender com os erros. Levantei o tronco muito antes. Saio daqui realizado. Pude mostrar ao mundo um pouco da essência do brasileiro", afirmou João das Barreiras.

Confira agenda do Brasil nesta quarta-feira de Olimpíadas

Eder foi o penúltimo depois de cometer duas faltas na terceira bateria. Ele fez o tempo de 14s13. Na primeira semifinal, Jeffrey Julmis, do Haiti, caiu ao tentar pular o primeiro obstáculo. Ele chegou a ficar preso no obstáculo por alguns segundos e completou a prova em 25s56 no último lugar.