Tamanho do texto

O brasileiro Luiz Outerelo se desequilibrou no segundo salto e caiu na piscina com os joelhos dobrados. Brasil ficou em último

Os brasileiros Ian Matos e Luiz Felipe Outerelo foram mal nesta quarta-feira e acabaram na última colocação da disputa do salto ornamental, trampolim de 3 metros. A dupla chegou à final das Olimpíadas do Rio 2016 sem expectativa de medalha, mas buscando uma boa colocação.

Dupla brasileira ficou em último lugar no trampolim de 3m, após erro em salto
Reprodução/Twitter
Dupla brasileira ficou em último lugar no trampolim de 3m, após erro em salto

No segundo salto, que já tinha grau de dificuldade baixo, os brasileiros ficaram com uma nota ruim: 28,80. Isso porque Luiz Felipe Outerelo se desequilibrou na hora de saltar, não conseguiu realizar os movimentos como queria e caiu quase de costas na piscina - ainda verde.

Saiba tudo sobre as Olimpíadas do Rio 2016

No total, a dupla do Brasil somou 332,61 de nota, mais de 50 pontos atrás da penúltima colocada Rússia, que teve 385,17. O ouro ficou com a dupla britânica composta por Jack Laugher Chris Mears, que somou 454,32.

Esta, aliás, foi a primeira prova de saltos ornamentais dos Jogos do Rio 2016 que não foi vencida pela China até o momento. Yuan Cao e Kai Qin ficaram com o bronze com 443,70 de soma. Os norte-americanos Sam Dorman e Mike Hixon levaram a prata, com 450,21.