Tamanho do texto

Após levar a luta para o Golden Score, a brasileira Érika Miranda acaba tomando um yoko da japonesa Misato Nakamura e cai na disputa do bronze

Estadão Conteúdo

Érika Miranda não conseguiu vencer a japonesa Misato Nakamura, tricampeã mundial, e perde a disputa do bronze
Reprodução/Twitter
Érika Miranda não conseguiu vencer a japonesa Misato Nakamura, tricampeã mundial, e perde a disputa do bronze

Não deu para Érika Miranda. A judoca brasileira chegou à repescagem, mas não conseguiu vencer a japonesa Misato Nakamura, tricampeã mundial e bronze em Londres 2012.  A brasileira passou pela romena Andreea Chitu, número um no ranking olímpico da categoria até 52kg, mas caiu na disputa da medalha de bronze. 

A luta estava equilibrada, apenas uma punição para cada lado, sem pontos. No Golden Score, a japonesa foi mais ágil e aplicou um yoko em Érika Miranda.

Erika saiu do caminho para a disputa da medalha de ouro ao perder para a chinesa Ma Yingnan em sua segunda luta. Antes, havia vencido sem muita dificuldade Hela Ayari, da Tunísia. A atleta de 29 anos ainda está viva em busca do pódio, mas terá uma disputa acirrada.

Erika Miranda venceu Hela Ayari, na Turquia, na primeira luta na categoria até 52 kg nas Olimpíadas
Marcio Rodrigues/MPIX/CBJ
Erika Miranda venceu Hela Ayari, na Turquia, na primeira luta na categoria até 52 kg nas Olimpíadas

Apontada antes da Olimpíada como candidata ao pódio no judô, Erika acumula duas medalhas de prata e outras duas de bronze em Mundiais, assim como foi ouro no Pan de 2015, em Toronto, e contabiliza duas pratas em Jogos Pan-Americanos (uma no Rio-2007 e outra em Guadalajara-2011).

No último sábado, Sarah Menezes e Felipe Kitadai caíram na repescagem do primeiro dia do judô da Olimpíada. Já Charles Chibana foi eliminada neste domingo na primeira luta. Agora Erika Miranda está a um triunfo de faturar o bronze.