Tamanho do texto

Duelo foi movimentado, mas ambas as equipes pecaram nas finalizações e desperdiçaram grandes chances

A marcação prevaleceu no duelo entre Iraque e Dinamarca
Twitter/Reprodução
A marcação prevaleceu no duelo entre Iraque e Dinamarca

A estreia do futebol masculino na Olimpíada do Rio foi um jogo movimentado, mas sem gols. Nesta quinta-feira, no Mané Garrincha, em confronto válido pelo Grupo A, Iraque e Dinamarca criaram algumas boas oportunidades, mas ficaram no 0 a 0.

O jogo que antecedeu a estreia da seleção brasileira, porém, foi movimentado e com inúmeras chances de gols. Sobretudo nas bolas paradas, tanto em faltas como em escanteios, o Iraque surpreendeu e teve grande oportunidade de abrir o placar aos 43, quando Kamil finalizou dentro da área, exigindo boa defesa do goleiro Hojbjerg.

LEIA MAIS: Delegação de basquete da China fica presa em tiroteio perto do Complexo da Maré

A Dinamarca, por sua vez, surpreendida pelo boa movimentação da equipe iraquiana, criou sua grande oportunidade ainda no início da partida: após arrancada pela direita, Desler recebeu, cruzou e Vibe acertou a trave.

O Iraque será o próximo adversário da seleção brasileira, no domingo, no mesmo Mané Garrincha, às 22 horas. Já a Dinamarca encara a África do Sul no jogo preliminar, às 19 horas.

    Leia tudo sobre: Futebol