Tamanho do texto

Quarto colocado do ranking mundial, tenista é o segundo top 10 a desistir de disputar os Jogos, depois de Federer. Espanhol Rafael Nadal ainda é dúvida

Estadão Conteúdo

Stan Wawrinka ganhou dois títulos de Grand Slam
Twitter/Reprodução
Stan Wawrinka ganhou dois títulos de Grand Slam

A equipe de tênis da Suíça sofreu mais um importante desfalque para os Jogos Olímpicos do Rio. Nesta terça-feira, Stan Wawrinka informou que não se recuperou de uma lesão e, assim, está fora do Rio-2016. Antes de Wawrinka, também por contusão, Roger Federer já havia desistido na semana passada da competição.

Atual quarto colocado do ranking da ATP, Wawrinka começou a sentir muitas dores durante a disputa do Masters 1000 de Toronto segundo divulgou em um comunicado nesta terça-feira. Após fazer exames mais detalhados, ele foi aconselhado pelo médico a "reduzir sua atividade física por um período indeterminado".

Federer e Wawrinka, além de estarem entre os quatro melhores tenistas do ranking mundial, formaram a dupla campeã olímpica de Pequim-2008. Como a Suíça não tem representantes entre os 100 melhores do ranking - seu terceiro melhor jogador é Marco Chiudinelli, 129 do mundo - não terá atletas na chave masculina do Rio-2016.

Na chave do tênis feminino, por sua vez, a situação suíça também não é das mais simples. A jovem Belinda Bencic, de apenas 19 anos, alegou dores no punho e também anunciou que não poderá defender o país na Olimpíada.

Com a desistência de Wawrinka, o tênis masculino não terá metade de seus Top 10 na Olimpíada. Além dele e de Federer, terceiro do ranking, estão fora Milos Raonic, sétimo, Tomas Berdych, oitavo, e Dominic Thiem, décimo.