Tamanho do texto

Competição de ciclismo de estrada, com 165 km pelas ruas, mudará rotina do carioca no próximo domingo

Orla passará por prova de fogo para a preparação dos Jogos
Carlos Moraes/Ag. O Dia
Orla passará por prova de fogo para a preparação dos Jogos

Na reta final dos ajustes para a Olimpíada de 2016, a prefeitura apresentou ontem o plano de operação para o que é considerado a prova de fogo para os Jogos: o evento-teste de ciclismo de estrada, competição de 165 quilômetros que vai impactar a manhã do próximo domingo dos cariocas em toda a orla da cidade.

“Será o nosso maior desafio, em função do tamanho do evento, das interferências no dia a dia dos moradores, e pelo fato de ser uma prova que, no ano que vem, será realizada no dia seguinte à cerimônia de abertura, ou seja, o carioca ainda não estará totalmente familiarizado com os Jogos”, explicou o secretário municipal de Transportes, Rafael Picciani.

Na competição, cerca de 100 atletas de 20 países sairão do Posto 5, em Copacabana, às 8h30, e vão percorrer os bairros de Ipanema, Leblon, São Conrado, Barra, Recreio, Guaratiba, Alto da Boa Vista, Floresta da Tijuca (Vista Chinesa), Horto, Jardim Botânico e Gávea. A chegada da prova está prevista para as 12h40 em São Conrado.

As interdições no trânsito começarão na madrugada de sábado para domingo e contarão com o apoio de 580 agentes. Já as proibições de estacionamento terão início na madrugada desta quinta-feira. Ao todo, serão utilizados 31 painéis de informarão sobre as condições do tráfego.

“Os moradores da Zona Sul já estão mais familiarizados com interdições para eventos, mas os da Barra da Tijuca, não. Portanto, é preciso que todos colaborem e sejam informados dos transtornos com antecedência”, continuou Picciani.O diretor de Operações da CET-Rio, Joaquim Dinis, recomendou aos cariocas que pretendem ir à praia no domingo que deixem o carro em casa para evitar ainda mais transtornos.

“Haverá bloqueios em toda a orla. Barra de Guaratiba, por exemplo, terá um esquema esquema especial de segurança, com ambulâncias e bombeiros, porque a região ficará completamente isolada das 8h30 às 10h50”, explicou Dinis.

Além de Barra de Guaratiba, outros pontos da cidade estão merecendo atenção especial das autoridades por se tratar de locais considerados críticos em relação à mobilidade urbana. A Rua Pacheco Leão, no Jardim Botânico, será interditada às 10h30. A Estrada do Joá, das 7h45 às 12h. A Barrinha ficará interditada ao tráfego em dois momentos: das 7h45 às 9h30 e das 10h às 11h50.

No Jardim Oceânico, a Rua Sargento João Farias e Avenida do Pepê serão bloqueadas das 8h às 12h. A Rua Marquês de São Vicente, na Gávea, das 10h30 às 13h. A expectativa da prefeitura é a de que a cidade tenhas as vias totalmente desbloqueadas a partir das 13h, com exceção de São Conrado, onde a desobstrução completa será feita apenas no fim da tarde, por volta das 17h.

Equipe de remo passa mal
Treze remadores americanos que participaram do Mundial Junior do esporte no fim de semana, na Lagoa Rodrigo de Freitas, apresentaram problemas estomacais depois da competição que serviu como evento-teste dos Jogos. A informação foi divulgada ontem pela agência de notícias AP (Associated Press).

Segundo a agência, o médico da delegação dos Estados Unidos, que tinha 40 atletas, disse os problemas estomacais podem ter ocorrido devido à poluição da água. “Meu sentimento pessoal é que água do lago causou este problema”, disse ele, sem descartar que os problemas possam, no entanto, ter outra origem, como a alimentação. Os americanos tiveram vômitos e diarreias. No começo deste mês, a mesma agência divulgou um estudo feito por universidade americana mostrando a existência de vírus nas águas da Baía de Guanabara e da Lagoa.

A AP informou ainda que outras equipes que participaram da competição relataram tipos de problemas semelhantes. O Mundial reuniu cerca de 500 remadores. Kathryn Ackerman, fisiologista do time americano, afirmou que os atletas tomaram todas as precauções na hidratação e na alimentação. A US Rowing (federação americana de remo) afirmou que está investigando o caso envolvendo os atletas, que têm entre 16 e 19 anos. 

O percurso que será feito no evento teste de domingo na orla carioca
Arte O Dia
O percurso que será feito no evento teste de domingo na orla carioca


Possível ato muda circuito
Uma das preocupações da prefeitura para o evento-teste de domingo está com a plateia, uma vez que há uma manifestação política marcada para Copacabana no dia do evento. Por precaução, o evento foi antecipado para 8h30, e a chegada dos ciclistas, anteriormente prevista também para a Avenida Atlântica, foi transferida para São Conrado. “Tentamos enquadrar o evento numa logística sem interferir um direito da população de querer se manifestar”, disse o secretário municipal de Transportes, Rafael Picciani.

Comitê Olímpico elogia eventos-teste
A presidenta da Comissão de Coordenação do Comitê Olímpico Internacional para os Jogos de 2016, Nawal El Mountawakel, elogiou a realização dos eventos-teste, mas destacou que ainda há muito trabalho a ser feito.

“Os eventos-teste já estão ocorrendo, e quatro já foram concluídos com sucesso. Vocês (Prefeitura do Rio) estão entregando instalações a tempo. Essas instalações serão um grande legado”, disse Nawal, após reunião da comissão na sede do Comitê Rio 2016, que organiza os Jogos. Nawal destacou que a Olimpíada está agora em sua última etapa de preparação. “Estamos confiantes de que será uma grande edição dos Jogos. Agora, com menos de um ano, entramos num estágio importante da preparação, a parte operacional”, destacou.

Em visita à cidade, a presidenta da comissão também elogiou as parcerias feitas com a iniciativa privada. “Vocês estão no caminho certo. Atingiram grande sucesso com seu programa de marketing, que trouxe algumas das empresas mais importantes do Brasil para os Jogos Olímpicos”, disse.

Nawal também falou sobre o grande interesse na compra de ingressos e pelo revezamento da tocha olímpica. “Estou confiante de que o melhor está por vir, mas todos temos muito trabalho a fazer”, completou. Também participaram do encontro o presidente do Comitê Olímpico Brasileiro, Carlos Nuzman, e o prefeito Eduardo Paes.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.