Tamanho do texto

Clube argentino chegou a solicitar autorização para treinar no CT do Atlético-MG, mas programação mudou

Seria por apenas um treino, mas o meia Verón estaria na Cidade do Galo nesta terça-feira. O Estudiantes é o primeiro rival do Cruzeiro na Copa Libertadores, quarta-feira, na Arena do Jacaré. Para evitar muitos deslocamentos no Brasil, a diretoria do clube argentino solicitou o CT do Atlético-MG para treinar, ao invés de ir até Sete Lagoas.

O treino do Estudiantes na Cidade do Galo seria às 18h, desta terça-feira, mas foi desmarcado. A programação inicial da equipe de Verón previa chegada a Belo Horizonte às 13h. Mas a diretoria do clube entendeu ser melhor treinar na Argentina e depois viajar, assim o Estudiantes vai desembarcar em Confins às 18h.

Embora nunca tenha jogado pelo Atlético-MG, Verón se tornou ídolo da torcida alvinegra em 2009, quando levou o Estudiantes ao título da Libertadores sobre o Cruzeiro, maior rival do Atlético-MG. Desde então a simpatia do torcedor com o jogador argentino é grande.

Verón foi presenteado com uma camisa do Atlético-MG, antes da decisão com o Cruzeiro, e depois da conquista festejou o título ainda em Belo Horizonte com cerca de três mil atleticanos, que foram para porta do hotel em que estava o Estudiantes. Na ocasião, Verón usava um chapéu do Atlético-MG.

A recepção dos atleticanos a Verón foi tão grande, que no retorna a La Plata, o jogador colocou uma bandeira do Atlético-MG no carro dos Bombeiros que desfilou com o campeão da Libertadores de 2009. O jogador, inclusive, se tornou um sonho de consumo da torcida alvinegra. No entanto o desejo de encerrar a carreira no Estudiantes inviabilizava qualquer negociação.

O carinho dos atleticanos com Verón é tão grande, que alguns torcedores pretendem estar no aeroporto na hora da chegada do Estudiantes, tudo para tirar uma foto ou pegar um autógrafo de Verón.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.