Mais Esportes

enhanced by Google
 

Scheidt e Prada fazem "treino de luxo" em Garda

Líderes do ranking mundial da Star, atletas sentem-se "em casa" na cidade italiana, local escolhido para os treinos entre as competições

Gazeta | 10/05/2011 15:37

Compartilhar:

Dando continuidade à campanha olímpica para Londres-2012 na classe Star, Robert Scheidt e o proeiro Bruno Prada estreiam, nesta quarta-feira (11), na Expert Olympic Garda 2011 - Eurolymp, que segue até este domingo (15), em Garda, na Itália. Líderes do ranking mundial da Star, Scheidt e Prada sentem-se "em casa" na cidade italiana, local escolhido para os treinos da dupla entre as competições na Europa.

"Não temos muita responsabilidade de vencer aqui", diz Scheidt. "Às vezes, é bom competir mais soltos. Vamos usar a competição como um treino de luxo, procurando aprimorar sempre as manobras, a velocidade e a tática de regatas", explicou.

Para a dupla brasileira, a Olympic Garda é a primeira de uma série de três competições que avança pelo mês de junho. "Vai ser um bom aquecimento para Medemblik (de 24 a 29 de maio, na Holanda) e a Sail for Gold (de 5 a 11 de junho, na Inglaterra)", avaliou.

Apesar de considerar a competição como um treino de luxo, Scheidt está bem animado para a disputa em Garda. "Vamos ter um bom nível, com velejadores experientes, como o sueco Fredrik Loof e o italiano Diego Negri, além de alemães e croatas", relatou.

Scheidt não quer pensar agora qual será seu futuro se a exclusão da classe Star da Olimpíada do Rio, em 2016, se confirmar. "Eu e o Bruno (Prada) estamos em campanha para os Jogos de Londres e tudo caminha conforme o planejado. Depois de 2012, vamos planejar nossos caminhos com serenidade", projetou.

Para a competição em Garda estão previstas uma fase classificatória, com dez regatas, e a Medal Race. Com três regatas completadas, a competição será considerada válida. Quando cinco ou mais provas da fase classificatória forem completadas, os velejadores terão direito ao descarte do pior resultado. A Medal Race, para os dez primeiros colocados na fase de classificação, tem pontuação dobrada, que não pode ser descartada. No caso de empate entre velejadores na classificação geral após a Medal Race, será favorecido o que tiver melhor colocação na Medal Race.

    Notícias Relacionadas


    Ver de novo