Mais Esportes

enhanced by Google
 

Fina anuncia que irá apelar à CAS contra advertência a Cielo

Pena mínima pedida é de seis meses. Campeão olímpico e seus companheiros testaram positivo para furosemida durante Troféu Maria Lenk

Pedro Taveira, iG São Paulo | 06/07/2011 10:17 - Atualizada às 11:51

Texto:
enviar por e-mail
* campos são obrigatórios
corrigir
* campos obrigatórios

A Fina (Federação Internacional de Natação) anunciou nesta quarta-feira que irá apelar na CAS (Corte Arbitral do Esporte) contra a decisão da CBDA (Confederação Brasileira de Desportos Aquáticos) no caso de doping de Cesar Cielo, Nicholas Santos, Henrique Barbosa e Vinícius Waked. Flagrados com a substância furosemida no Troféu Maria Lenk em maio, os atletas receberam apenas uma advertência do Painel da CBDA. Como não concordou com este veredícto, a Fina pede pena de, no mínimo, seis meses.

LEIA TAMBÉM: Advogado do caso Maurren é sondado para defender Cielo

Esta apelação não tem o efeito de suspender os nadadores de quaisquer competições. Por ora, a sentença da CBDA ainda é válida. De acordo com o comunicado oficial da Fina, o Painel Antidoping da CAS é o único que tem autoridade para aplicar uma suspensão provisória.

LEIA TAMBÉM: Mentor diz que Cielo é inocente, mas reprova suplemento

Em virtude da proximidade do Mundial de Xangai, que será realizado entre os dias 16 e 31 de julho, a Fina afirmou que lançará mão de “seus maiores esforços para obter uma decisão dentro do menor tempo possível”. A preocupação maior reside na possibilidade de Cielo conquistar medalhas na China e, caso seja punido posteriormente, ter de devolvê-las.

Cielo e seus companheiros no P.R.O. 16 (Projeto Rumo ao Ouro em 2016) testaram positivo para furosemida, diurético que mascara a presença de outras substâncias proibidas pela Wada (Agência Mundial Antidoping). Em suas defesas, os atletas alegaram contaminação cruzada de um suplemento alimentar e receberam a pena branda. A punição máxima prevista é de dois anos - por ser reincidente, Waked pode até ser banido da natação.

A farmácia Anna Terra, responsável pela manipulação dos suplementos, não reconhece o erro, mas  mantém aberta a hipótese da contaminação em laudo enviado à CBDA. Segundo Cláudio Cardone, médico da entidade, detalhes técnicos dos exames inocentam os nadadores.

Texto:
enviar por e-mail
* campos são obrigatórios
corrigir
* campos obrigatórios

Notícias Relacionadas


12 Comentários |

Comente
  • Maria | 06/07/2011 22:14

    Nossa, como algumas pessoas estão mal informadas e não leem direito a reportagem. Eles não foram advertidos por causa do suplemento e sim pq provavelmente, o suplemento que eles utilizam foi contaminado por outra substância proibida, a furosemida, por conta de equivoco na manipulação.\nO suplemento que eles utilizam, que tem como base a cafeína, sempre foi informado e não está sendo apontado como proibido.\nPara atletas, é recomendado a utilização de suplemento. Eo Cielo tem acompanhamento médico. E suplemento alimentar não é um medicamento.

    Responder comentário | Denunciar comentário
  • SSG | 06/07/2011 16:36

    SÓ FOI IR PARA O FLAMENGO... DEVE TER TOMADO UMAS COM O ADRIANO...

    Responder comentário | Denunciar comentário
  • marco | 06/07/2011 16:17

    \nPela ocorrência quase sistemática de doping em grandes atletas, talvez caiba a triste pergunta: Atleta "limpo" consegue bater recorde????. Como diria Avallone: interrogação

    Responder comentário | Denunciar comentário
  • pinter | 06/07/2011 16:05

    mesmo se conseguir participar do mundial, Cielo não ganhará nada, pois seu estado psicológico já está comprometido e sua reputação manchada. No nível em que ele está, fator psicológico e concentração valem no mínimo 90%. Preparação física todos têm.

    Responder comentário | Denunciar comentário
  • Xtian | 06/07/2011 14:49

    a regra é clara.. pisou na bola, um abraço!!!!!\n

    Responder comentário | Denunciar comentário
  • Nato | 06/07/2011 13:10

    Meu Deus, os atletas sabem que não pode usar qualquer suplemento sem se os que estam autorizados.\nPrincipalmente os nossos atletas da natação. Agora pode até perder a medalha.\nSeja atleta com saúde.\n

    Responder comentário | Denunciar comentário
  • Eliezer | 06/07/2011 12:39

    É, Cielo deve se preparar pois alguns no comitê olimpico não tem interesse em adversários para Michael Phelps, que tem premiaçõs ameaçadas pelo brasileiro. Visto que o medicamento que Cielo usou antes de outras competições importantíssimas e não foi barrado é agora apontado como substancia proibida. bom lembrar o caso de Ben Johnson que afirma ter utilizado anabolizante sim mas que bem antes dos torneios o uso era cancelado para não cair nos exames e após muito tempo alega em livro que foi vitima de conspiração.\nDá a entender que somente atletas dos E.U.A podem se intupir de anabolizantes, "maconha"e outros estimulantes. Lembra!

    Responder comentário | Denunciar comentário
  • Cida Peixoto | 06/07/2011 12:34

    Engraçado!! Concordo com o leitor acima, tudo no Brasil quando estamos ganhando alguem aparece com esse historia de doping. O engraçado que sempre tentam apagar alguem, mas corrupção ninguem vai contra, super faturamento de hospitais ninguem tb mostra. Espancamento de crianças e mâes drogadas ninguém tb toma providencia. Será que existe algo errado?

    Responder comentário | Denunciar comentário
  • César-DF | 06/07/2011 12:24

    Acho pouco 6 meses, muitos atletas foram punidas com penas mas severa.\nPorq. eles não, tem ganhar na moral e não usando artifícios para isso.

    Responder comentário | Denunciar comentário
  • Marcos | 06/07/2011 12:23

    Eu tenho certeza que o Cielo é inocente nesse caso, mas convenhamos que o Cielo deu uma mancada mostruosa. Todos esses atletas da natação tomam regularmente esses suplementos alimentares que, no meu entender, deveriam ser proibidos. O pior de tudo é ver um campeão olímpico tomar um produto fabricado numa farmácia de quinta categoria situada nos cafundós dos judas. Cielo, presta atenção cara!

    Responder comentário | Denunciar comentário
  1. Anterior
  2. 1
  3. 2
  4. Próxima

Antes de escrever seu comentário, lembre-se: o iG não publica comentários ofensivos, obscenos, que vão contra a lei, que não tenham o remetente identificado ou que não tenham relação com o conteúdo comentado. Dê sua opinião com responsabilidade!




*Campos obrigatórios

"Seu comentário passará por moderação antes de ser publicado"

Mais destaques

Destaques da home iG

Ver de novo