Mais Esportes

enhanced by Google
 

CAS mantém advertência, e Cielo está liberado para o Mundial

Tribunal entendeu que atleta não teve culpa em caso de doping. Nicholas Santos e Henrique Barbosa receberam a mesma sentença

Pedro Taveira, iG São Paulo | 21/07/2011 07:00 - Atualizada às 13:05

Texto:
enviar por e-mail
* campos são obrigatórios
corrigir
* campos obrigatórios

Foto: AP

Cesar Cielo escapou de uma punição mais dura no caso de doping por furosemida

Cesar Cielo escapou da CAS (Corte Arbitral do Esporte) e está liberado para competir no Mundial de Xangai. Atual campeão nos 50m e 100m livre, o nadador teve sua advertência pelo uso da substância furosemida mantida e poderá defender suas conquistas. O Tribunal entendeu que o atleta não foi culpado nem negligente no caso de doping. Nicholas Santos e Henrique Barbosa receberam a mesma sentença. Vinícius Waked foi suspenso por um ano por ser reincidente.

O resultado pode ser considerado um divisor de água em audiências de doping. Até então, todos os atletas flagrados por furosemida haviam recebido pena maiores.

VEJA FOTOS: Do ouro olímpico ao doping: relembre a carreira de Cesar Cielo

O exemplo mais recente é o da também nadadora Daynara de Paula. Julgada pela Fina (Federação Internacional de Natação) em agosto do ano passado em caso muito semelhante ao atual, ela foi suspensa por seis meses e perdeu o direito de ir às Olimpíadas 2012, em Londres. Para Cielo, porém, pesou o fato de se tratar de um campeão olímpico e mundial.

VEJA TAMBÉM: Diretor da Fina: "Não estou satisfeito" e Cielo: "Estou virando esta página da minha vida"

O veredicto favorável marca ainda mais uma expressiva vitória na carreira do advogado Howard Jacobs. O norte-americano é um dos maiores especialistas em doping no mundo e em seu currículo constam clientes como Marion Jones, Tim Montgomery e Jessica Hardy.

Já em Xangai para a disputa do Mundial, Cielo volta às piscinas no próximo dia 24, primeiro dia do torneio e data da eliminatória dos 50m borboleta. Além desta prova, ele irá nadar os 50m e 100m livre, além dos revezamentos 4x100m livre e medley.

Enquete

Você acha que a CAS foi justa em manter a advertência a Cesar Cielo?



ou ver resultados
Você acha que a CAS foi justa em manter a advertência a Cesar Cielo?

Sim. Ele não teve culpa no caso de doping

59%
Porcentagem

Não. Ele não deveria ter recebido pena alguma

15%
Porcentagem

Não. Assim como outros, ele deveria ter sido punido com mais rigor

26%
Porcentagem

Entenda o caso

O doping

Cesar Cielo, Henrique Barbosa, Vinícius Waked e Nicholas Santos foram flagrados em exame antidoping durante o Troféu Maria Lenk, em maio. Eles testaram positivo para o diurético furosemida, que mascara a presença de outras substâncias proibidas.

O que alegou a defesa

Os nadadores alegam que a contaminação foi acidental e que não houve ganho aparente de rendimento. Uma cápsula de cafeína teria sido mal manipulada pela farmácia responsável.

Foto: AFP Ampliar

Cesar Cielo se mostrou bastante tranquilo em julgamento na última quarta-feira

O que disse a CBDA

Painel da CBDA se baseou em dados técnicos dos exames e em laudo da farmácia responsável pelo suplemente para isentar os atletas de culpa ou negligência e aplicar apenas uma advertência a eles. Com isso, todos perderam seus resultados do Troféu Maria Lenk.

O que pediu a Fina

A Fina apelou à CAS para que a punição fosse ampliada para um período de três meses de suspensão. Diante da realização do Mundial de Xangai, a Federação pediu urgência na avaliação do caso.

Regulamento da Wada (Agência Mundial Antidoping)

Os atletas são responsáveis por tudo o que ingerem e estão cientes da possibilidade de ingerirem algo contaminado.

O que pesou na decisão da CAS

Ficou constatada a falta de culpa e negligência por parte de Cielo e seus companheiros, além de cooperação no caso. Mas o fato de se tratar de um campeão olímpico e mundial também pesou politicamente para uma pena mais leve.

Pena prevista

Dois anos de suspensão é a pena única por doping se não há antecedentes. Com seus argumentos, a defesa trabalhou apenas para diminuir a sanção - neste caso, manter a advertência da CBDA.

Texto:
enviar por e-mail
* campos são obrigatórios
corrigir
* campos obrigatórios

Notícias Relacionadas


3 Comentários |

Comente
  • João | 21/07/2011 11:30

    Eu acredito no Cielo, no Papai Noel, Na Mula sem cabeça!\nA Folha de São Paulo, não publica comentário que não sejam elogios acerca do caso Cesar Cielo! Isso que é imparcialidade!!!

    Responder comentário | Denunciar comentário
  • WANDELEY | 21/07/2011 10:35

    Quero parabenizar, em primeiro lugar a CBDA, pois o órgão se mostrou mais uma vez corretíssimo, dando uma demonstração de senso de justiça, idoneidade e autoridade que uma Confederação tem de ter, mesmo perante a pressão da FINA e de outras autoridades internacionais, e ao Cesar e seus advogados por terem conseguido essa "absolvição" digamos assim. E deixar um alerta para mais uma vez o fato de termos de tomar muito cuidado com o controle de qualidade daquilo que tomamos, e cobrar das autoridades um maior controle e fiscalização as farmácias e industrias de remédios pois imagina se isso a conteceu com um atleta de nível internacional, o que num tem acontecido conosco que somos simples mortais e não dispomos de exames anti doping no nosso dia a dia.

    Responder comentário | Denunciar comentário
  • José Joaquim Sobral | 21/07/2011 10:25

    Parabéns aos 4 atletas.\nTenho acompanhado com alegria o bom desempenho dessa moçada brasileira.\nNão sei por que razão ingerem drogas.\nMas se é necessário que o façam, que os responsáveis não apelem para o que está proibido.\nMostrem ao mundo que nos trópicos a gente também luta pelos melhores resultados na raça, isto é, na garra.\nParabéns. Jj/s.

    Responder comentário | Denunciar comentário

Antes de escrever seu comentário, lembre-se: o iG não publica comentários ofensivos, obscenos, que vão contra a lei, que não tenham o remetente identificado ou que não tenham relação com o conteúdo comentado. Dê sua opinião com responsabilidade!




*Campos obrigatórios

"Seu comentário passará por moderação antes de ser publicado"

Mais destaques

Destaques da home iG

Ver de novo