Tamanho do texto

Ex-nadadora relembrou caso de abuso sexual e comentou o fato do também nadador tê-la processado após os dois discutirem na internet, em março

Joanna Maranhão
Reprodução/ CBDA
Joanna Maranhão ironizou o fato de Felipe França tê-la processado

A ex-nadadora Joanna Maranhão ironizou, neste sábado (4), o fato do também nadador Felipe França tê-la processado por conta de uma discussão que os dois tiveram no Twitter, no dia 20 de março.

França acusou Joanna de ofendê-lo moralmente durante o bate-boca. Nas redes sociais, ela voltou a falar sobre o caso e  relembrou o fato de ter sido abusada sexualmente ainda na infância.

"Ser processada pelo cara que enfiou a mão no teu maiô, te bolinou e te despiu na cama da própria esposa... ouvi-lo dizer na audiência 'eu não fiz nada, ela quer acabar com minha vida, eu sou um pai de família' e ter que ficar calada, digerindo isso e seguir nadando...", iniciou.

"Portanto, estou cagando pra processo de Felipe França e pra quem mais duvidar de tudo isso. Eu tenho um puta orgulho de ter chegado até aqui, sabe? E isso tem que significar muito pra mim e pra mais ninguém", acrescentou a ex-nadadora.

Relebre o início da discussão

No dia 20 de março, a Confederação Brasileira de Desportos Aquáticos (CBDA) aprovou provas de 50m nos estilos para os Campeonatos Brasileiros Infantil de Inverno e Verão de natação. Joanna, então, comentou a decisão, a qual ela é contrária.

"Pior decisão possível. Incentivo às provas não olímpicas e especialização precoce (um de nossos maiores problemas). Qual país estimula isso na base? Nenhum", escreveu em seu Twitter.

Logo depois, uma seguidora respondeu com ironia para concordar com Joanna, mas França não entendeu e respondeu.

"Para isso eles não têm resposta, né? Que pena. Acredito que precise ter tudo sim. A maioria de medalha em mundiais é nas provas de 50 metros. Em vez de ajudarem, essas pessoas [que criticam] só atrapalham", escreveu o nadador paulista, que foi rebatido por ela.

"Ah, França, tu és tão burro que não entende que o 'método sumida' [seguidora que fez a postagem] estava concordando comigo. Tu és incapaz de desenvolver um raciocínio lógico, quanto mais entender o que é bom para natação a longo prazo", tuitou a pernambucana.

A próxima resposta de França foi a que fez Joanna mais se irritar. Ele criticou o fato dela ter ido a um programa da Xuxa e ela entendeu como uma ironia ou desconfiança sobre o relato de abuso na infância.

"E você entende o que é bom para natação a longo prazo? Para acabar que nem você, de atleta que é contra pedofilia foi parar no programa da Xuxa, que quando mais nova fazia atos sexuais com crianças. Me poupe, Joanna, para de xingar os outros e cuida da sua família um pouco", disse França.

"França, vai tomar no c... Tu és burro e um filho da p... de marca maior. Xuxa foi abusada na infância. Mas do que adianta pedir empatia e compreensão de evangélico fundamentalista que mal sabe escrever português? Não me dirija a palavra e vá à merda. Não se meta no meu trabalho", afirmou Joanna.

"Não sei se é você mesma ou uma assessoria escrevendo por você, Joanna . Mas é deste jeito que você quer que seja o futuro da natação? Todos com boca suja e mal-educados? Com certeza não será e eu não vou deixar", finalizou França, que não recebeu mais respostas.