Tamanho do texto

Alzain Tareq, do Bahrein, fez o pior tempo entre as 64 nadadoras na prova dos 50m borboleta no Mundial

Com apenas 10 anos, a bareinita Alzain Tareq é a mais jovem da história do Mundial
Matthias Hangst/Getty Images
Com apenas 10 anos, a bareinita Alzain Tareq é a mais jovem da história do Mundial

Alzain Tareq, a menina de 10 anos do Bahrein que se tornou a nadadora a disputar uma competição internacional da modalidade, caiu na piscina em Kazan nesta sexta-feira para participar das eliminatórias dos 50m borboleta. Como era de se esperar, ela teve o pior tempo entre as 64 competidoras. Mas isso pouco importa. "Estou muito feliz", disse Alzain ao canal Sportv.

Leia também:
Com apenas 10 anos, nadadora do Bahrein é a mais jovem da história no Mundial

A menina fez o tempo de 41s13. A diferença para a penúltima colocada, a malaia Fatoumata Samasseku, de 28 anos, foi de 4s81. O melhor tempo da eliminatória ficou com a sueca Sarah Sjostrom (25s43). "Sou fã dela. Vim aqui para aprender", disse.

"A coisa mais importante para mim é ganhar a experiência de compteir em torneios de alto nível, observar as habilidades técnicas de famosos campeões olímpicos e, talvez, até mesmo adicionar algumas de suas habilidades ao meu arsenal", explicou a nadadora, em entrevista ao site oficial da competição.

Defesa

A Federação Internacional de Natação (Fina) defendeu nesta sexta-feira a participação de Alzain Tareq no Mundial de Esportes Aquáticos.

"Participar de um Mundial é uma oportunidade para todos os atletas, e é preciso promovermos mais a natação, porque devemos lembrar que a cada ano morrem 377 mil pessoas afogadas em todo o mundo", disse o presidente da entidade, o uruguaio Julio Maglione, em entrevista coletiva.

O diretor-geral da entidade, Cornell Marculescu, descartou, no entanto, que a participação de Alzain Tareq tenha qualquer motivação midiática, estando justificada pelos méritos esportivos.

"Aqui há 189 países disputando a competição e o Bahrein quis estar presente. Na natação não há regra que impeça isso, como aconteceu nos saltos, em que a idade mínima é de 14 anos", explicou o dirigente.


    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.